terça-feira, 30 de junho de 2009

CHARGE DA GGOO: RUBINHO NA DISNEY

BOATO DO DIA

Alonso assina e Ferrari anuncia em Monza.

Veio do Jornal As...eu não confiaria.

ESTRANHO...

A F1 Historic cancelou a etapa que seria disputada em Interlagos alegando não cumprimento do acordo financeiro realizado pela Rede Globo. Isso foi noticiado em todos os sites voltados ao automobilismo e diversos portais.

Porém, no site da Globo (e seus respectivos blogs), nem uma linha sobre o assunto até o momento em que escrevo.

Não vou me alongar no "velho" debate que existe sobre a "ética" daquele portal e da emissora, mas que, como uma das Organizadoras do evento ela deveria deixar isso claro, isso ela deveria.

E sinceramente, um processinho cairia bem, né?

segunda-feira, 29 de junho de 2009

JÁ QUE ELES NÃO VEM MAIS...VAMOS VER O QUE OS OUTROS VEEM...

COPA DAS CONFEDERAÇÕES...UMA LIÇÃO PRA F-1!

A copa das confederações acabou. Independente do resultado no campo ela nos dá ensina grandes lições para a F-1:

- A presença de público (mesmo com ingressos doados)
- A vibração da torcida e sua empolgação
- O encantamento com as atividades extra campo.

A F-1 poderia rever seus conceitos, ampliando a interação com o público, fazendo com que os mais pobres possam ver os seus ídolos.

Quem sabe até montar uma sessão de autógrafos nos setores mais baratos, com direito a diversas ações promocionais...

Mas isso, pelo visto é só um sonho...mas sonho que se sonha só é só um sonho, sonho que se sonha junto é realidade...

HISTORIC F1: CORRIDA DE INTERLAGOS CANCELADA!

A etapa brasileira da Historic F1, prevista para os dias 15 e 16 de agosto, não será mais disputada este ano. Os organizadores trabalham agora para trazê-la em 2010. Patrocinadores, comprometidos com a corrida, não puderam cumprir suas obrigações o que inviabilizou a prova em Interlagos cujos custos seriam bem mais altos do que nas pistas européias.
A Historic F1, com carros de F1 das décadas de 60, 70 e 80, nunca tinha saído da Europa onde é disputada desde 1995. Esta seria a primeira oportunidade para as equipes correrem em Interlagos, circuito que se rivaliza com Monza, Brands Hatch entre outros em tradição na categoria mais importante do automobilismo internacional.
A Interpro, responsável pela promoção da prova no Brasil, sentiu que o evento teve ótima acolhida do público com base na venda de ingressos. Por isso pretende realizar a corrida no ano que vem.
A organização já providenciou o cancelamento de sua compra junto à administradora.
Lembramos que o reembolso se dará através de crédito na próxima fatura do cartão utilizado na compra.
Certos de sua compreensão

Atenciosamente,

Pelos Promotores do Evento

domingo, 28 de junho de 2009

SERÁ?

Fábio Seixas informa:

Na lista da equipes inscritas para 2010, a Brawn aparece sem uma fornecedora de motor.

Executivos da Petrobras estarão em Silverstone conversando com várias equipes sobre o ano que vem. Várias mesmo. Das 13 da lista da FIA, a estatal brasileira negocia com 11. As exceções: Ferrari, que tem uma longuíssima parceria com a Shell, e Brawn.

Brawn? Pois é... Estranho, não?

Como é estranho o fato de aquele carro permanecer quase todo branco. Como é estranho o silêncio da escuderia sobre o ano que vem.

Neste ano, a equipe só foi à pista graça a uma força-tarefa comandada pessoalmente por Ecclestone, que não queria o grid esvaziado. É improvável que algo assim se repita. Primeiro, porque a F-1 deve contar com três novas equipes. Segundo, porque ninguém vai querer ajudar um time que ganha tudo. Alguém acredita que a McLaren deixará a Mercedes fornecer motor para uma rival como esta em 2010? Eu não.

Em meio a tudo isso, em que pese a estrutura enxuta e a ajuda financeira da Honda, a Brawn parece dar de ombros para compromissos mais longos com patrocinadores. Estranho...

Se o presente da Brawn é empolgante, o futuro parece nebuloso.

Bem nebuloso, Fábio.

VILLENEUVE EM INTERLAGOS!

Foi confirmado hoje que jacques Villeneuve, campeão mundial de F-1 em 1997, correrá na corrida preliminar da F-Truck, a Top Race, em Interlagos.

Será uma honra poder ver, mais uma vez, o piloto canadense em ação, desta vez a bordo de carros de turismo.

O problema maior é, mais um vez, o respeito pelo público, faltam 20 dias para a corrida e nada de informações sobre compra de ingresso no site oficial.

Assim fica difícil de ir.

sábado, 27 de junho de 2009

100 VEZES VALENTINO ROSSI

Valentino Rossi, o Gênio do Motociclismo mundial, acaba de ganhar a sua 100º corrida nos mundiais de Motovelocidade. Assen, na Holanda, foi o palco deste feito histórico.

Para comemorar, Valentino aprontou mais uma das suas:


Fantástico!

F1-HISTORIC: WILSINHO EXIBIRÁ COPERSUCAR

Em caminhada pelo paddock de Interlagos, em São Paulo, onde esteve presente na tarde desta sexta-feira (26/06) para acompanhar os treinos livres da GT3, Wilsinho Fittipaldi conversou rapidamente com o Tazio a respeito da etapa brasileira da F-1 Histórica, antes da qual fará uma apresentação especial.

A lista de inscritos para o evento conta com um dos carros da Copersucar-Fittipaldi; no entanto, trata-se de um modelo Fittipaldi F5, cujo piloto será o belga Jean-Michel Martin; logo, não terá a participação direta dos irmãos Fittipaldi.

Mas Wilsinho falou a respeito de uma possível participação de um restaurado modelo FD01. O ex-piloto foi direto: "Não vamos participar da corrida. Se estivermos presentes, será apenas para uma única volta de exibição pelo circuito".

"O carro foi testado ontem em Interlagos e, mecanicamente, não está em condições de participar de uma corrida inteira", prosseguiu.

De acordo com o ex-piloto brasileiro, os motivos que impedem o clássico modelo de participar da prova são apenas mecânicos.

"Os carros que virão para cá têm toda uma mecânica reformada. Já a do nosso tem mais de 30 anos, então é impossível resistir a uma corrida longa", disse.

No entanto, Wilsinho confirmou que fará uma volta de exibição pelos 4.309 m do autódromo de Interlagos antes do início da prova, que está prevista para o próximo dia 16 de agosto.

E lá, em Interlagos durante a F-1 Historic, vou rever o carro que me encantou em 2007:


E você, está esperando o quê para assitir essa corrida histórica, junto com a GGOO?

sexta-feira, 26 de junho de 2009

COLUNA DO ROQUE: JÁ VIMOS ESTA HISTÓRIA?

Essa discussão sem fim sobre os possíveis campeonatos paralelos da FIA e da FOTA me faz relembrar exatamente do tempo em que Max Mosley apareceu como a alternativa para a F-1. Exatamente, 1991, depois de todo escandalo entre Senna, Balestre e Prost. Ele era o novo, a renovação e por isso, foi celebrado por todos.

Logo em seu primeiro ano um campeonato sensacional com vitórias de Senna, Berger, Mansell e Piquet, disputadas, ultrapassagens e tudo mais. Logo em seguida o monótono campeonato de 1992 com a vitória da Williams nº 5 de outro planeta.

Em 1993, um novo campeonato equilibrado, no último duelo entre Senna e Prost. E o primeiro baque da sensação Mosley foi sentido, era 1994 e toda eletronica embarcada nos carros foi proibida. Novos carros novos conceitos, e o aceite geral da nação automobilistica.

É exatamente neste ponto que quero voltar. 1994 marcou o reinício da F-1, uma nova F-1, mais simples e que atraiu diversos adeptos como a Pacific e a Simtek. 14 equipes, 28 carros para as 26 vagas. A temporada deste ano deixava todos, principalmente no Brasil, anciosos e de olhos vidrados a cada chamada na tv oficial.

O resultado disso tudo sabemos: Tragédia. As mesmas que abafaram o primeiro título de Schumacher, o primeiro pódio e pole de Barrichello, as vitórias de Hill, as lambanças nos boxes, o fim da Lotus, novas promessas e tudo mais.

Em 2010, a F-1 toma um novo rumo. Uma nova F-1 vem por ai, com seus limites orçamentários, um novo chefe, novos carros, novos designs e equipes novas. Só espero que o resultado seja o espetáculo que foi naquela pré-temporada e não a tristeza que se formou ao entorno dela.

FOTO DO DIA



Bruno Senna senta no cockpit do McLaren MP4-4, modelo pilotado por seu tio, Ayrton Senna, durante a temporada de 1988, quando conquistou o primeiro dos três títulos mundiais de Fórmula 1. O 1º sobrinho vai pilotar o carro no Festival de Goodwood, dias 3 e 4 de julho.

MMM...MM

E os mais intimos desejos expressados pelos MMM...MM foram traduzidos em música:



Perfeito!

A VIDA SEGUE...

Quem nunca se pegou dançando Moonwalker? Quem nunca imitou os trejeitos de Michael Jackson? E a risada no final da música Thriller?

Quem nunca imitou um carro de corrida? Seu piloto favorito?

Pessoas morrem mas a idolatria permanece.

Está acontecendo hoje com Michel Jackson, aconteceu comigo quando Ayrton se foi.

Ficam as lembranças dos bons tempos, de resto a vida segue...voltemos a programação normal.

Michael Jackson

O Rei do Pop morreu, no meio das especulações sobre sua morte, o blog da GGOO faz uma homenagem a Michael Jackson. E de moto.

http://www.youtube.com/watch?v=UujVLGlWacg

(youtube com problemas, depois arrumo)

E não é que o cara fez escola mesmo?

E A PALHAÇADA CONTINUA - CAPÍTULO 137

A paz entre a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e a Associação de Times da Fórmula 1 (Fota) foi concretizada no papel na última quarta-feira, mas a troca de farpas ainda persiste entre as partes e ameaça o acordo que impediu o "racha" na categoria. Nesta quinta-feira, foi divulgada uma carta em que Max Mosley, presidente da entidade máxima do esporte, critica a atitude de dirigente da Fota, colocando novamente o futuro em risco.
A carta foi divulgada pelo site Racefax e nela Max Mosley ataca diretamente Luca Di Montezemolo por sua postura tomada no tratamento das relações entre as entidades. Segundo Mosley, já não há mais garantia de sua saída da presidência da FIA em outubro - esse fator era uma das bases do acordo firmado.

Confira trechos da carta de Max Mosley destinada a Lucca Di Montezemolo:
"Dada a tentativa deliberada de enganar a mídia, eu já considero minhas opções abertas. Pelo menos até outubro, sou presidente da FIA e com plena autoridade no ofício. Depois disso, são os membros da FIA, e não você ou Fota, quem vai decidir sobre a futura liderança da FIA"
"Nós fizemos um acordo, ontem, em Paris, para terminar as recentes dificuldades na Fórmula 1. Uma parte fundamental do acordo foi a de que iríamos ambos apresentar uma positiva e verdadeira conta com os meios de comunicação"
"Eu fiquei espantado ao saber que, no comunicado da Fota à imprensa, o senhor deu a (Michel) Boeri o controle da Fórmula 1, algo que você sabe é completamente falso, que eu tinha sido forçado a sair do escritório, também falso, e, aparentemente, que eu não teria qualquer papel na FIA após outubro, algo que é evidentemente falso"
"Além disso, você tem sugerido aos meios de comunicação que eu tenho sido um ditador, o que é um grave insulto aos 26 membros do Conselho Mundial de Esporte a Motor, onde foram discutidas e votadas todas as regras e procedimentos da Fórmula 1 desde a década de 1980, para não mencionar os representantes da FIA de 122 países que têm democraticamente aprovado tudo o que eu e os meus colegas do Conselho temos feito durante os últimos 18 anos"
"Se você deseja que o acordo que fizemos tenha alguma chance de sobrevivência, você e a Fota devem corrigir imediatamente suas ações. É necessário corrigir as falsas declarações que foram feitas e não repetir essas declarações. Você deve emitir uma correção adequada e desculpas à imprensa durante a coletiva de imprensa desta tarde. A Fórmula 1 é executada exclusivamente pelas equipes, sem qualquer ajuda minha ou de outra pessoa de fora. Não havia a necessidade de me afastar da Fórmula 1, uma vez que tínhamos um acordo. Da mesma forma, eu tinha um plano de longa data não tentar a reeleição em outubro. Ontem, eu deixei bem claro os dois pontos durante a reunião"

fonte: esportes Terra

NB: nosso amigo Marcelão acabou de postar essa notícia também na nossa comu, estou só colocando aqui a título de informação pros nossos leitores, mas, me desculpem o termo, essas sandices do velho tarado nazista decrépto já deram no saco.

FOTA, por favor, crie outro campeonato e deixem ele com a F-1, quero ver o que vai ser da categoria sem as oito equipes que sairão!!!

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Parabéns Johnny!


Hoje, 25 de junho, John Paul Herbert ou simplismente Johnny Herbert completa 45 anos. Em toda sua carreira na F1 obteve 3 vitórias, a mais importante com a Stewart, onde o piloto deu a 1ª e única vitória a equipe do lendário Jack.
Agora teremos um novo quadro aqui no blog da ggoo. Um piloto que faz aniversário no mes vigente receberá uma homenagem. Quem você quer que seja o homenageado do mês de julho?

Jorg Zander sai da BrawnGP


Jorg Zander, um dos engenheiros responsáveis pelo carro da BrawnGP lider do mundial de construtores e que faz a dobradinha no campeonato de pilotos, desde o último final de semana não é mais membro da equipe. Não se sabe para onde vai, mas há boatos de que McLaren e Ferrari estariam interessadas nos serviços de Zander, porem nenhuma das equipes confirmou nada até agora.


"Jorg contribuiu de forma significativa para o nosso sucesso até o momento na temporada deste ano, então agradecemos e desejamos a ele o melhor no futuro", disse um porta-voz da equipe ao site da revista inglesa Autosport.


Zander passou por BMW, BAR e Williams antes de chegar na Honda(atual BrawnGP) em 2007.


Fonte: Terra, F1 e Fontes.

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Nota oficial da FIA

“O Conselho Mundial Esporte a Motor se reuniu em Paris, em 24 de Junho de 2009. As seguintes decisões foram tomadas:

CAMPEONATO MUNDIAL DE FÓRMULA 1

Todas as equipes competindo atualmente comprometeram-se ao Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA.

Não haverá série ou campeonato alternativo e as regras para 2010 será o regulamento de 2009, assim como outras normas acordadas antes de 29 de Abril de 2009.

Como parte deste acordo, as equipes irão, dentro de dois anos, reduzir os custos ao nível do início da década de 1990. Os times das montadoras concordaram em apoiar as novas equipes para 2010, provendo a assistência técnica.

As equipes de montadoras concordaram ainda com o permanente e contínuo papel da FIA como órgão administrador do esporte. Eles também se comprometeram a ficar no Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA, segundo acordos comerciais, até 2012 e concordaram em renegociar e prorrogar o presente contrato antes do final desse período.

Todas as equipes vão aderir a uma versão atualizada do Pacto da Concórdia de 1998.

As seguintes equipes foram aceitas para o Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA do ano de 2010.

EQUIPE:
Ferrari
McLaren
BMW
Renault
Toyota
STR
RBR
Williams
Force India
Brawn GP
Campos
Manor Grand Prix
USF1

Como objetivo deste novo acordo e com a perspectiva de um futuro estável para a Fórmula 1, o presidente da FIA, Max Mosley, confirmou sua decisão de não se candidatar à reeleição em outubro deste ano."

Juan Manuel Fangio

Nascido em 1911, completaria 98 anos hoje se não tivesse falecido em 1995. Pode-se dizer que é um argentino que da saudades aos brasileiros (e ingleses, franceses...) que o viram correr.

(OFF) LEGENDE A FOTO

Bombeiros e equipes de resgate observam carro que caiu de garagem nesta terça-feira (23) em Springfield, no estado americano de Massachusetts. Uma mulher de pouco mais de 20 anos tentou dar ré no quarto andar da garagem, mas 'exagerou' e caiu. Ela foi hospitalizada. Segundo os policiais, ela só não ficou mais machucada porque estava usando o cinto de segurança.

FIA X FOTA: BANDEIRA BRANCA

Times da F-1 chegam a acordo com a FIA e desistem de criar campeonato paralelo.
Presidente Max Mosley desiste da reeleição em outubro e acalma as equipes ao propor uma redução de custos mais suave, em dois anos.


Uma semana após o racha, veio o remendo. As equipes da Fórmula 1 chegaram a um acordo com a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) nesta quarta-feira, em Paris, e desistiram de criar uma categoria paralela em 2010. A novidade responsável pela paz foi a decisão do presidente da FIA, Max Mosley, de não concorrer à reeleição no pleito de outubro.

- Não vou concorrer à reeleição. Agora temos paz – declarou Mosley nesta quinta-feira.

O conflito terminou na manhã desta quarta (à tarde na França), durante a reunião do Conselho Mundial de Esporte a Motor da FIA. O encontro foi marcado para evitar a criação de uma categoria paralela por parte das escuderias, e o objetivo foi cumprido. Além da desistência de Mosley na próxima eleição, a FIA também cedeu na redução dos custos e propôs um reajuste mais suave, ao longo de dois anos.

- Não haverá separação; acontecerá um campeonato único em 2010. Chegamos a um acordo sobre a redução dos custos. O objetivo é chegar ao nível dos gastos do começo da década de 90 em dois anos – afirmou Mosley, ao deixar a sede da FIA.

Ainda nesta quarta-feira, a FIA deve anunciar a lista oficial com as equipes que vão disputar o campeonato de 2010. Com a paz selada, a próxima temporada terá Ferrari, McLaren, Renault, BMW Sauber, Toyota, Brawn GP, RBR e STR, que tinham ameaçada na última quinta-feira criar uma categoria paralela.

O chefão da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, detentor dos direitos comerciais da categoria, ficou aliviado após o encontro desta quarta. - Estou muito feliz por ver que o bom senso prevaleceu – disse.

fonte: globoesporte.com

NB: Igor, Fernanda e demais, agora não precisam mais vender seus ingressos, parece que tudo voltou ao que estava programado pra acontecer mesmo.
Mas...até quando?
Juro que eu tava muito afim de assistir outra categoria, só pra mudar um pouco o cenário do automobilismo mundial e ver a cara do maldito velho decrépto nazista se enfunhanhando.
Só posso dizer uma coisa dessa papagaiada toda até agora: M.M.M.......M.M.!!!

terça-feira, 23 de junho de 2009

GP DA INGLATERRA: A CORRIDA

WTCC: A BESTEIRA

O tal do Augusto, o Farfus, fez a lambança do dia em Brno:



Convenhamos, que besteira!

FALE (MAS MORRA) MAX MOSLEY

E com vocês, a entrevista exclusiva que Max Mosley concedeu à reporter Mariana Becker da TV Globo durante o último final de semana em Silverstone:

Calmo, ao ouvir (ler) as palavras do velhinho temos a impressão que não há problema algum, que tudo será resolvido pacificamente e que ele não quer continuar tendo o poder máximo da FIA. Nem parece ser o tirano que está querendo sepultar a F1.

CHICOTADA NELE...
M.M.M... M.M!!!

segunda-feira, 22 de junho de 2009

GGOO BOLÃO F1 2009 - Resultados do GP INGLATERRA

RESULTADO OFICIAL DA CORRIDA:
Pole Position - VETTEL
Posição no Grid Aleatória (11º) - MASSA
Volta mais rápida na corrida - VETTEL
1º colocado na corrida - VETTEL
2º colocado na corrida - WEBBER
3º colocado na corrida - BARRICHELLO
4º colocado na corrida - MASSA
5º colocado na corrida - ROSBERG
6º colocado na corrida - BUTTON
7º colocado na corrida - TRULLI
8º colocado na corrida - RAIKKONEN

PONTUAÇÃO NO BOLÃO:
28 pontos - RODRIGO PIOIO
27 pontos - CÁSSIO
26 pontos - ENGENHEIRO BETÃO
24 pontos - GUILHERME BAL
23 pontos - RUI LENHARI R10
20 pontos - TIO BRUNO / IGOR DPN
19 pontos - CIN
16 pontos - LITTLE LUCY / DUFF
15 pontos - A. ROQUE / MATHEUS SILVA
12 pontos - WESLEY / LEONARDO / ANDRÉ ROQUE
11 pontos - DR. ROQUE
08 pontos - XANDÃO
06 pontos - ANGELO DUI
05 pontos - MARCOS / DIOGO
04 pontos - RODRIGO CABRAL
03 pontos - S / MAURICIO PELOSO
01 ponto - RAFAEL ORLANDO
Os demais participantes não pontuaram
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

CLASSIFICAÇÃO GERAL:
01º - 98 pontos - IGOR DPN
02º - 94 pontos - RUI LENHARI R10 / TIO BRUNO
04º - 91 pontos - CÁSSIO / RODRIGO PIOIO
06º - 84 pontos - DUFF
07º - 60 pontos - JIMMY
08º - 58 pontos - MARCELÃO
09º - 57 pontos - ANDRÉ ROQUE
10º - 56 pontos - MATHEUS SILVA
11º - 55 pontos - BODIM / GUILHERME BAL
13º - 53 pontos - ANGELO DUI
14º - 49 pontos - A. ROQUE
15º - 46 pontos - CIN
16º - 44 pontos - ENGENHEIRO BETÃO
17º - 43 pontos - LEONARDO / DR. ROQUE
19º - 39 pontos - XANDÃO
20º - 34 pontos - WESLEY / ALE
22º - 32 pontos - DIOGO / RUDSON K9
24º - 31 pontos - VANUSA / MARCO / LITTLE LUCY
27º - 28 pontos - FABRICIO / CARLOS CARIOCA / RODRIGO CABRAL
30º - 27 pontos - S / JUNIOR GOMES
32º - 26 pontos - LUCAS ALONSO
33º - 23 pontos - RAFAEL ORLANDO
34º - 21 pontos - MAURICIO PELOSO
35º - 19 pontos - OTÁVIO
36º - 12 pontos - THE SWAN
37º - 10 pontos - ELMER
38º - 08 pontos - TIMBÓ / MARCOS / DOU JUANES
41º - 04 pontos - VALÉRIA
42º - 03 pontos - STIK10
43º - 02 pontos - ROJO
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

COLUNA DO ROQUE: ESTAREMOS NO PENÚLTIMO CAPÍTULO?

A F-1 acabou! Esta foi a frase mais ouvida nos últimos dias diante da divulgação do racha entre equipes e FIA.

Diante deste quadro, uma incerteza tomou conta de cada um dos pilotos, chefes de equipes, presidentes de confederações e...torcedores.

Pera ai, os torcedores também ficaram preocupados?

Sim. Os torcedores são a alma da F-1. Diferentemente do Futebol onde as rixas terminam em briga, os torcedores de corridas em geral só pensam em se divertir, de preferencia levantando a sua bandeira, torcendo para seu ídolo ou o piloto local. São eles que fazem um GP ficar inesquecível.

De tantas histórias vividas em Interlagos, como não se lembrar da torcida incessante para que Alonso ganhasse de Hamilton ou ainda que Rubinho marcasse um ponto naquele fatídico ano de 2007? Ou ainda, como não se lembrar de toda torcida pró-Massa, as faixas de provocação. os chamados de chuva e o choro contido ou incontido no final do GP Brasil de 2008?

Episódios assim nos faz refletir o quanto o público em geral faz bem pro automobilismo. São eles que atraem, são eles que divulgam, são eles os animadores da festa toda.

Mas agora tudo tende a se findar. E desta festa toda, sobram os palhaços, aqueles que geralmente são os marginalizados nesta história toda: o público.

Dessa discussão toda, que sem dúvida terminará na paz entre equipes e FIA, bem que poderiam repensar em mais um ponto: como tratar dignamente o público em todos os sentidos. Das transmissões, da divulgação de imagens, do acesso do público aos pilotos (muitos heróis de uma nação) e principalmente nas facilidades dentro dos autódromos, que incluem bebidas de qualidade (geladas), acessos e comidas a preços razoáveis.

A única certeza disso tudo é que, independente das disputas relacionais entre FIA e FOTA, um pessoal louco e apaixonado estará presente nas corridas, a galera da GGOO!

SERÁ QUE AGORA VAI?

Piadinha enviada para o galera.ggoo@yahoo.com.br pela Fernanda Andrade, de São Paulo:

sábado, 20 de junho de 2009

FRASE DO DIA

“Kimi, não sei, deve ter bebido vodca, ou estava dormindo ou algo assim. Não sei que diabos ele estava fazendo!”

Mark Webber reclamando de Kimi Raikkonen.


Pelo histórico, realmente eu não duvido.

RED BULL FLUGTAG: A RESPOSTA

sexta-feira, 19 de junho de 2009

FRASE DO DIA

“A F1 morreu. Será uma categoria com motor padrão, equipes pequenas e pilotos desconhecidos. Esta não é a F1 que as pessoas querem”.

Fernando Alonso

BOA DE PÚBLICO! DE PÚBLICO???

E a Fórmula Truck segue o mesmo exemplo de desrespeito ao público que a Stock car.

Faltando exatamente um mês para a etapa de São Paulo, encontramos essas informações para a compra de ingressos.

Ou seja, nenhuma informação.

E depois declama para todos ouvirem: "lotamos os autódromos brasileiros".

Será que realmente o público que vai é o público pagante?

GGOO MEMÓRIA: GP DA INGLATERRA, 2003



A mais espetacular das vitórias de Rubens Barrichello.

AO VIVO: TREINOS LIVRES GP DA INGLATERRA

quinta-feira, 18 de junho de 2009

AGORA FOI: EQUIPES ROMPEM COM A F-1


Sem acordo com a FIA, equipes rompem com a F-1 e lançam categoria paralela.
Ferrari e McLaren estão entre os oito times que decidiram, em reunião nesta quinta-feira, não continuar no campeonato na próxima temporada.

A crise na Fórmula 1 atingiu o status de racha nesta quinta-feira. Diante do impasse com a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) sobre o teto orçamentário para a próxima temporada, a Associação das Equipes (Fota) rompeu com F-1 e anunciou que vai organizar uma categoria paralela em 2010. Após uma reunião de uma hora na fábrica da Renault, na cidade inglesa de Enstone, os oito times da Fota - Ferrari, McLaren, Renault, BMW Sauber, Toyota, Brawn GP, RBR e STR - confirmaram que não houve acordo com a FIA.

- As equipes não podem continuar a arriscar os valores fundamentais do esporte e se negaram a alterar suas inscrições condicionais para a temporada de 2010. Os times não têm alternativa a não ser se preparar para um novo campeonato, que reflita os valores de seus participantes e parceiros. Esta categoria terá um governo transparente, um regulamento, além de encorajar novas inscrições e ouvir os anseios dos fãs, oferecendo ingressos mais baratos. Os melhores pilotos, estrelas, marcas, patrocinadores e promotores historicamente associadas com o mais alto nível do automobilismo estarão na nova categoria – disse um porta-voz da Fota.


As equipes da Fórmula 1 tinham até a noite desta sexta-feira para retirar as condições impostas nas inscrições provisórias feitas no início deste mês, sob o risco de ficar fora da F-1 em 2010. Max Mosley, presidente da FIA, escreveu uma carta aos times na quarta-feira, na qual fazia algumas concessões, mas deixava claro que o teto orçamentário não seria abandonado. Além disso, o dirigente pediu para que as equipes se inscrevessem e se comprometeu a mudar o regulamento, fechando um novo Pacto da Concórdia, documento que rege as relações esportivas e comerciais na F-1. Após receberem a carta de Max Mosley, as equipes decidiram se reunir na fábrica da Renault para discutir novas medidas e chegaram à conclusão de que não poderia haver um acordo com a FIA. A inclusão da Ferrari, da RBR e da STR na nova categoria deve gerar mais polêmica, já que a FIA alega que as três ainda tem contrato com a atual categoria.

fonte: globoesporte.com

FOTO DO DIA


Ayrton Senna - GP da Inglaterra, 1986

CASCOS (ED. GP DA INGLATERRA)



Essa é dedicada ao Jimmy!

(OFF) O FIM DO DIPLOMA PARA JORNALISTAS

Jornalista não precisa de diploma para exercer a profissão. A notícia é de ontem e o que faço aqui é uma reflexão.

O Jornalista é responsável por coletar, redigir, editar e publicar informações sobre eventos atuais e eventos passados. É através do jornalismo que as histórias de uma nação ou de um povo são retratadas.

O fim da exigência de diploma, consequentemente dos estudos, nos leva a crer que hoje vivemos uma utopia, onde qualquer um pode fazer jornalismo. Mas, pera lá, eu como Administrador de empresas, tive todos os conceitos teóricos aplicados em diversas áreas de conhecimento administrativo, dentro do ambiente acadêmico e isso serviu (e ainda serve) de base para toda a minha conduta pessoal e profissional. O Jornalista não é diferente, é extremamente necessário a vivência acadêmica, bem como todos os conhecimentos que são adquiridos durante o curso que lhe dão base para exercer uma nobre profissão com ética e respeito ao seu leitor/ ouvinte.

Em um mundo globalizado, a notícia corre na velocidade da luz e chega até nós, online e ao vivo, a todo instante. Selecionamos o que queremos ver e ler. O responsável por isso, são os jornalistas.

Porém neste mesmo mundo globalizado, a tal da internet, este mar de informações sem fim, serve como base para que jornalistas se apropriem de idéias, pensamentos e até pautas já publicadas e faz disso a sua matéria. Respeito, Ética, pra que? Existe ai, uma subversão dos valores, onde a tal "Lei de Gerson" (aquela de se levar vantagem em tudo) se faz presente.

Ao não precisar de um diploma, como um jornalista exercerá a sua profissão? Quem ensinará à ele os caminhos e os trâmites legais de qualquer processo jornalistico? Qual manual de redação irá seguir? Se continuar assim, somente o seu chefe, um jornalista.

Com isso, com o tempo, essa profissão deixará de ter limites éticos e bastará dar um "copiar colar" em qualquer texto e escrever meia dúzia de palavras para se considerar jornalista. Jornalista é diferente de blogueiro que tem acesso a essas fontes e publica seus comentários e opiniões. Jornalista é aquele que leva notícia até você.

Como foi comparado pelos excelentíssimos senhores (e senhora) do STF, “Um excelente chefe de cozinha poderá ser formado numa faculdade de culinária, o que não legitima estarmos a exigir que toda e qualquer refeição seja feita por profissional registrado mediante diploma de curso superior nessa área”, disse o nobre ministro Gilmar Mendes. Será que essa comparação é feliz?

Partindo deste pressuposto, será que um enfermeiro pode assumir o papel de médico e realizar uma operação, afinal ele está lá todo dia e acompanha todos os processos, por que não?

Melhor ainda, será que eu, você, ou qualquer cidadão brasileiro, pode ser advogado ou ministro do STF? Não bastaria ler apenas algumas leis e delas tirar a sua conclusão? Para que uma carteira da OAB? Para que temos ministros, devidamente diplomados e "capacitados", se qualquer um pode fazer o mesmo papel?

A conclusão que se chega é: para que estudamos? Infelizmente, o Brasil sai perdendo. E o futuro dessa nação, é a ignorância.

quarta-feira, 17 de junho de 2009

PITACOS DO GP: INGLATERRA, 2009

Acho que desta vez, na classificação, dá...Jenson Button, com Barrichello em segundo e Vettel em terceiro.

Já na corrida, Button, Vettel, Barrichello, Massa e Kimi serão os primeiros.

Será?

SESSÃO DESENHO COM A GGOO - CORRIDA MALUCA - EP. 02 - DESTINO CIDADE FANTASMA

FRASE DO DIA

“Para mim, é uma das corridas que dão o sentido da temporada, ao lado de lugares como Spa, Monza e Silverstone. Enfim, esses lugares que você associa com a Fórmula 1 propriamente dita. É uma corrida tradicional. Para nós, o que é um pouco decepcionante nestas novas corridas, em novos países, é que você vem ao autódromo no sábado ou no domingo e não sente a paixão. Em Monza, na classificação no sábado, o circuito parece ter vida própria. O mesmo vale para Silverstone e também para o Brasil”.

Jock Clear (engenheiro de pista do carro de Rubens Barrichello) que demonstra compartilhar da mesma paixão pelo GP do Brasil que a quase totalidade do paddock da Fórmula 1. O motivo? A paixão dos torcedores locais.

E se você quer sentir um pouco desta paixão, conheça a GGOO!

terça-feira, 16 de junho de 2009

DAQUI A EXATOS DOIS MESES



Treinos dia 15 de agosto (sábado), corrida no dia 16 de agosto (domingo). Ingressos à venda e maiores informações no site: www.historicf1.com.br

ONBOARD: JIM CLARK AT OULTON PARK - 1963

FRASE DO DIA

"Continuo na luta firme e forte. Quanto ao título, acredito que preciso ganhar uma prova, daí abre a porteira"

Rubens Barrichello.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

NASCAR MEXICANA EM LUTO

Neste último domingo, a Nascar México vitimou fatalmente o piloto da equipe Motorcraft, Carlos Pardo, 33 anos, quando liderava e na última volta sofreu um toque de outro carro.
Seu bólido, desgovernado, chocou-se a mais de 200km\h contra a quina de uma mureta, protagonizando um dos mais impressionantes acidentes automobilístico.
Muito similar ao ocorrido com Rafael Sperafico em Dezembro de 2007 em Interlagos, quando o carro parece "explodir" em pedaços após o impacto lateral.
E pra quem acha que a pancada do Sperafico foi forte, ainda não viu nada.
Triste também, ver o desespero de seu irmão que corre na categoria, e sua esposa, presente no autódromo.
Imagens realmente chocantes.

O primeiro vídeo tem só o acidente, o segundo a reportagem completa.




Nossas sinceras condolências à família e aos companheiros da categoria.

A COR DA MODA!

Olhem atentamente a ilustração abaixo:

Consequem notar alguma semelhança???



Se você respondeu "a cor verde-limão", acertou!

Valentino Rossi:
o gênio da Moto GP que sempre faz seus milagres;
Camisa de Goleiro do Palmeiras: extremamente ligada à figura de São Marcos, o milagreiro do Palestra.
Jason Button (Branw GP): de maneira surpreendente (ou não!) vem papando todo mundo nessa temporada, ressurgindo das cinzas da "falida" Honda. Dígna de milagre também.

Verde-Limão: a cor dos milagres, a cor da moda!

LE MANS: A BESTEIRA

DIVAGAÇÕES...

Acordei cedo, neste frio, para ver a MotoGP no "sonífero" autódromo da Catalunya, onde na F-1 ninguém passa ninguém e a corrida se resumo a um marasmo só, e o que vi foi um espetáculo daqueles de tirar o chapéu.

O público, insandecido, gritava a plenos pulmões como se fosse um Barcelona X Real Madri, não havia espaço para mais ninguém. Os cânticos de incentivo, presentes do começo à volta de consagração fazem qualquer pessoa pensar numa comparação com a F-1, que, um mês atrás mal lotava uma das arquiancadas.

Mais do que isso, as disputas pelas posições em todos os níveis foram acirradíssimas e culminou com um final espetacular, visto na F-1, somente em 1986 em um mesmo GP da Espanha, entre igualmente, dois gênios - Ayrton Senna e Niguel Mansell.

Tudo isso, as disputas, o público, as emoções certamente me fazem divagar sobre o porque um dá show e o outro desaponta; porque um lota e o outro esvazia os autódromos, porque um da TESÃO de ver e o outro sono.

Tudo se resume ao amor, a paixão, na F-1 tudo é extremamente mecanizado e os pilotos uns vermes que não tem opinião própria, mais do que isso, se acomodam com medo de quebrar uma asa, de furar um pneu, de sofrer um puxão de orelha do "chefe". Falta culhão.

Hoje em dia, faltam pilotos machos (no sentido de virilidade), que assumam riscos, que estejam pouco se ligando com a vida, só querendo acelerar.

Mas tudo isso é cerceado pela tal da política de distribuição de lucros e enquanto todos estiverem ganhando (muito), nada irá mudar.

domingo, 14 de junho de 2009

SEM PALAVRAS!

NO TEMPO DO CARBURADOR: A Formula 1, sua evolução ou o que faz a grana...

Em agosto poderemos relembrar os F1 “antigos” e o pessoal mais carburador relembrar alguns bólidos, como eram chamados naquele tempo. Difícil vai ser não lembrar Interlagos velho, ver a negrinha (Lotus 72 D) do Emerson fazendo a 1 e 2, flap, ou seja de pé em baixo, contra-esterçando, ou o pessoal maluco que ficava de costas para a pista tentando descobrir se o próximo carro era uma Ferrari, um Matra ou um simples Cosworth. Acampar de quinta a noite até domingo, sem banho, comida, banheiro... Às vezes em treino o pessoal fazia o anel externo para economizar a volta, só que com aceleração plena! Lembrar 75, quando em pleno retão a UOP Shadow de Jarrier quebra deixando a vitória a Brabham de Pace e o segundo com a McLaren M23 de Emerson. Bons tempos?

Os carros duravam algumas temporadas, a Lotus durou de 72 a 76, a McLaren de 73 a 78, sendo o primeiro carro do Piquet, alguns carros eram alugados aos melhores pilotos locais que disputavam a prova local, os montadores da F1, eram malucos que compravam motor, freio, suspensão e cambio e com muita intuição, improvisação e TESÃO pela coisa metiam a cara e a pouca grana nos carros. Nos testes de pneus em Interlagos, quem conseguia entrar na área dos boxes, auxiliava da maneira que podia, sendo empurrando o Copersucar da fábrica até a entrada do portão principal ou, imagine a cena hoje, parando o transito para o carro amarelo passar.

A improvisação para os PADRÕES DE HOJE, eram totais, em 72 a Lotus pegou fogo e foi restaurada de sexta para sábado com fibra de vidro e pintura do Sidnei Mosca, peças de reserva? Muito poucas. Quando o Emerson testou o Copersucar em túnel de vento na Embraer todos achavam coisa de maluco, o comum era encher o carro com fitas adesivas e andar com ele pela pista com alguns carros filmando e/ou fotografando para ver o fluxo de ar. E olha os carros que saíram...

Hoje, o pessoal (as empresas) não brinca mais se fica uma temporada sem fazer nada, gastam uma nota absurda, vejam a briga atual para teto de gastos, tem mil engenheiros, estrategistas, metereologistas, massagistas, o cara que só troca o pneu esquerdo dianteiro, o que só abastece e vem um time pequeno que só tem grana para correr a temporada e enfia 6 corridas em 7 e mais uma equipe pequena faz a outra vitória.

Honda desiste, Ford desiste, Renault ameaça assim como a Toyota, em Interlagos veremos o que alguns abnegados fizeram e acabaram fazendo história.

Para quem viveu, presenciou a certeza de que a Copersucar, Emerson, Divila e companhia foram pessoas atemporais adiante de seu tempo, isso sem contar uma nova geração de engenheiros, projetistas que até hoje estão na moda.

Talvez este pessoal foi o último a ter TESÃO naquilo que fazia, dinheiro não era obrigatoriamente tudo.

Talvez em agosto poderemos resgatar ainda alguma coisa daqueles tempos, Interlagos já não é o mesmo, a corrida já não é mais no verão, nós não somos mais os mesmos, porém a chama ainda persiste e o máximo que podemos fazer atualmente é passá-la para algum outro doido e este dar continuação a história.

Um grande abraço e até a próxima, Dr. Roque

sábado, 13 de junho de 2009

PANCADA DO DIA



Michele Alboreto e Christian Danner - Mônaco, 1987 (foi a primeira vez que a FISA eliminou um piloto de uma corrida)

sexta-feira, 12 de junho de 2009

EXCLUSIVO: FOTA x FIA - Hamilton testa modelo 2010 da Mclaren para nova categoria

COLUNA DO ROQUE: TORCEDORES E TORCIDA

Diante de todo assunto envolvendo a politicagem na Formula 1, um assunto tão importante quanto foi deixado de lado: a presença de público nos autódromos do mundo. Como frequentador assíduo das pistas de corrida e presente nos últimos 14 GPs Brasil, pude acompanhar algumas mudanças ocorridas neste período no que tange ao público.

É notório que, principalmente durante o GP Brasil, as condições são precárias para o público que fica nos setores mais baratos. Pelo preço que se paga no ingresso, não há banheiros suficientes, a comida e de péssima qualidade, cara e geralmente existem poucas opções, além de todas elas virem frias. Não existe uma comodidade nem na hora de comprar os ingressos, que tem um pseudo número de assento.

Sob o ponto de vista do torcedor comum, isso é péssimo. Para os fanáticos, como o pessoal da GGOO, isso é motivo de encontros e diversões. Porém, não é só de fanáticos que os autódromos são frequentados, a maioria pouco entende efetivamente do assunto e são eles que ficam decepcionados.

Faltam atrações diversas que façam o público ficar e não correr para ficar na fila sem ao menos o treino terminar. Falta condições para aguentar as 7 horas entre a abertura dos portões e a largada.

Falta um maior contato entre público e competidores e não só um caminhão passando em alta velocidade. Falta um contato mais humano, menos focado só nos negócios. Isso parece, do jeito em que está, estádio de futebol, onde você vai torcer mas não tem a mínima condição de ficar confortável, sob nenhum aspecto extra-jogo.

O resultado disso é que, com ingressos caros, falta de atrações, péssimas condições, o povão não vai e sobra para as "organizadas"/ fanáticos preencherem os espaços, uma vez que a parte vazia é cada vez maior.

A torcida apoia, incentiva, grita, inflama e desestabiliza pilotos, mas o povão dá a sensação de arena cheia, lotada, de calor humano.

E é essa falta de contato faz com que ídolos se tornem menos ídolos e tudo fica descartável, inclusive a F-1.

Senão, só sobrará histórias de GPs maravilhosos assistidos com pessoas fantásticas, principalmente aqueles que fazem parte da GGOO.

AS ESCOLHIDAS DE MAX

Ferrari

Toro Rosso - motor a definir

Red Bull - motor a definir

Williams Toyota

Force India Mercedes

Campos Cosworth

Manor Cosworth

Team US F1 Cosworth

McLaren Mercedes*

BMW Sauber*

Renault*

Toyota*

Brawn - motor a definir*

* participação pendente de confirmação


Campos? Manor? USF1...Vamos nos acostumando!

FOTO DO DIA



Emerson Fittipaldi - GP de Mônaco, 1975

quinta-feira, 11 de junho de 2009

1955 - O pior...



Mais tarde uma nova postagem.

RUBENS BARRICHELLO

Por conta de toda a discussão que está se formando em torno de Rubens Barrichello na nossa comunidade no orkut e na mídia em geral, resolvi fazer um desabafo.

Eu que sempre acompanhei a sua trajetória, que lembro de episódios marcantes de sua carreira como em 1992, em uma corrida de F-3 em Interlagos, largar em último e ultrapassar Oswaldo Negri Jr. na curva dos boxes, da última volta e vencer a corrida. Rubens Barrichello aquele que, após Ayrton Senna, me fez parar de frente á TV para ver corridas.

Inúmeras vezes discutia sua qualidade, engolia seco as brincadeiras que lhe faziam a sua revalia, que chegava a debater asperamente que Rubens era melhor do que Schumacher, que de ia para Interlagos ver a F-1 e em especial, Barrichello, cujo o qual tenho guardado comigo uma das grandes lembranças, o GP Brasil de 1999, a primeira vez que vi, literalmente, Interlagos tremer a cada volta de Rubinho, então na Stewart, liderando a corrida.

Mas tudo isso é passado e, derrepente, de desacreditado, passou a ser um dos candidatos ao título da F-1. As emoções voltaram a tona, a expectativa para que, enfim, conseguisse o título, aumentou. Não se falava outra coisa, o Brasil era Barrichello.

Massa, apesar da emocionante disputa do título em Interlagos, foi renegado a um segundo ou até a um terceiro plano. Só se falava (e se fala) de Barrichello.

A temporada começa, e com ela sucessivas vitórias de Jenson Button, um piloto qualificado pela maioria como mediano. Barrichello não consegue bons desempenhos e, apesar de estar em segundo no campeonato, frustra a todos.

Os velhos críticos voltaram à cena, com muito mais acidez. Os apaixonados, começam a se decepcionar. Por que? é o que todos perguntam.

As desculpas já não colam mais. Ganhar a partir de agora, talvez.

Mas, por mais críticas que se façam, todas elas com certo grau de razão, lembro que o povo brasileiro tem memória curta: Massa, no ano passado, também estava em segundo e reclamava dos erros da equipe ou sentia algo entranho na traseira do carro. No fim, todos estavamos lá em Interlagos torcendo por ele.

O azar (palavrinha que o acompanha) de Barrichello foi ter o seu companheiro de equipe como líder, o que dificilmente fará uma equipe mudar o foco durante a temporada.

Continuo achando que Barrichello é melhor do que Button e mais, muito melhor do que Felipe Massa. O título deste ano, não virá, talvez nunca mais venha, mas ele faz o seu papel e não é somente ser o nº 2 (como a maioria, ignorante, acredita).

No fim, a conclusão que chego é que todos (sem exceção) adoram e se identificam muito com Rubens a ponto de transformar isso em críticas, exacerbadas até.

SESSÃO DESENHO COM A GGOO: SPEED RACER CONTRA O CARRO MAMUTE

Após congestionamento histórico em São paulo, nada melhor do que um desenho para embalar o nosso feriado.

Trata-se do Speed racer, desenho que seduziu (e ainda seduz) muitas crianças e adultos.

Por problemas técnicos não consegui linkar o desenho por aqui, mas mesmo assim, poderemos ver ele em três partes clicando aqui, aqui e aqui.

Reperarem bem no nome da equipe do Mach 5...que honra, hein?

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Costela do STIK!: Um texto nota 0

O assunto continua no ar, cada dia com mais noticias, cada dia com mais enrolação. O texto que fiz já é um pouco antigo, de alguns dias atrás, mas resolvi colocar aqui para compartilhar minha opnião com a de voces. A Ferrari já se inscreveu para o campeonato de 2010, mas e se não tivesse feito isso? Seria o fim do mundo? Eu creio que não. Leiam, comentem, aprovem, reprovem. Tanto faz, desde que participem.



FIA x Ferrari


Tão grande quanto a repercussão dos resultados da equipe de Fórmula 1 BrawnGP neste ano, é a recente discussão entre algumas equipes com a FIA. O órgão máximo do automobilismo mundial prevê algumas mudanças para 2010, dentre elas, o polemico teto financeiro para desenvolvimento do carro. Pequenas equipes como a BrawnGP e Williams aceitaram na hora o teto, que beneficia quem o aderir, dando direito a testes ilimitados e a horas ilimitadas no túnel de vento, coisa que quem não aderir, sofrerá com os limites dos mesmos, brecando o desenvolvimento. Nessa história toda, a maior equipe da F1, a Ferrari, ameaçou por um tempo sair da categoria. Muitos disseram que a F1 não vive sem a Ferrari e a Ferrari não vive sem a F1. Mas será que é realmente assim?

É fato que a Ferrari é muito importante para a F1, é a equipe que mais disputou GP em toda a história, que mais tem pontos e a que mais tem vitórias. Mas não podemos esquecer que pela F1 já passaram grandes equipes, como a saudosa Lotus de Senna e Chapman o fundador, a Brabham que deu ao brasileiro Nelson Piquet o primeiro titulo na categoria e também a Tyrrell, que em 72 deu a Emerson Fittipaldi o primeiro titulo de um brasileiro na categoria. Essas equipes deixam saudades, mas nem por isso a F1 deixou de andar e evoluir com sempre fez.

Não podemos esquecer que com este regulamento, haverá mais equilíbrio entre as equipes. Pequenas equipes gastam em média 20% do que uma grande gastaria, o resultado se vê na pista. A Force India informou que em 2008 gastou por volta de 50 milhões de dólares, enquanto a Ferrari gastou 600 milhões em todo ano. Vemos o resultado na pista, Force India última, Ferrari campeã de construtores. O teto nesse caso faria com que todos gastassem um valor próximo ao do outro, diminuindo a distancia.

Tudo isso sem falar que equipes novas podem entrar na categoria, tanto que algumas como a Pro Drive e a Lola já se inscreveram para 2010, tendo em vista isso, porque então equipes antigas não poderiam voltar? Brabham já demonstrou interesse, a March, outra equipe antiga que saiu, também está interessada. Porque não matar a saudade?Se a Ferrari sair, uma multidão ficará saudosa, mas a F1 não vai parar, e até equipes consideradas falidas poderão voltar, isso sem contar o equilíbrio que teríamos, alvo de reclamação durante todos esses anos.
---
Obs: Texto nota 0 pois foi essa nota que ganhei na faculdade em uma atividade em que ele foi o meu trabalho.

FRASE DO DIA

"Jenson Dominates Turkish Grand Prix"

Boletim divulgado pela Brawn GP.

Precisa dizer mais alguma coisa?

FOTO DO DIA



Adrian Sutil e Rubens Barrichello - GP da Turquia, 2009 (o retrato do que foi a corrida do piloto brasileiro)

BASTA!

Até o dia 12, me recuso a falar sobre as decisões políticas da FIA.

Infelizmente esse fato desmotiva tudo e todos. Não há mais assunto, só a mesma ladainha.

E disso chego a uma conclusão, a F-1 precisa se reinventar no discurso e nas atitudes.

Basta de mesquinharia, basta de briguinhas políticas. Basta de tudo!

Quando esse assunto passar, comento as decisões.

terça-feira, 9 de junho de 2009

GGOOsocial - CÂNCER DE MAMA

Amigos, em meio a tanta 'bandalheira' neste mundo virtual, graças a Deus existem também assuntos sérios e de UTILIDADE PÚBLICA que precisam de nossa atenção e respeito.

Este é um deles: O Instituto do Câncer de Mama está com uma importante campanha.

Cabe a nós atendermos sua solicitação e ampará-lo, pois se depender do Governo (Federal/Estadual/Municipal) será seu fim!!!

Vamos salvar o site do câncer de mama? Não custa nada.

O Site do câncer de mama está com problemas, pois não tem o número de acessos e cliques necessários para alcançar a cota que lhes permite oferecer UMA mamografia gratuita diariamente a mulheres de baixa renda. Demora menos de um segundo, ir ao site e clicar na tecla cor-de-rosa que diz 'Campanha da Mamografia Digital Gratuita'.
Não custa nada e é por meio do número diário de pessoas que clicam que os patrocinadores oferecem a mamografia em troca de publicidade. Repassem aos amigos para que eles também repassem. E assim estaremos ajudando a salvar este site tão importante.



Este gesto fará uma enorme diferença.

Obrigado.

OFF - NOVA MODALIDADE ESPORTIVA: ARREMESSO DE BÊBADO

Você é chegado na canjibrina?
Adora enfiar o pé na jaca?
Curte tomar todas?
Tem amnésia alcólica e no dia seguinte, com a cabeça igual a um jatobá seco, jura (pela enésima vez)que nunca mais vai beber?
CUIDADO!!
ISSO PODE ACONTECER COM VOCÊ TAMBÉM!!
video

DÚVIDA...

Dada a tremenda superioridade de Jenson Button nesta temporada bem como que o segundo piloto é o mesmo e o chefe de equipe também, fica a dúvida:

Será que Schumacher foi tudo isso mesmo?

Cartas para redação.

segunda-feira, 8 de junho de 2009

GGOO BOLÃO F1 2009 - Resultados do GP Turquia

RESULTADO OFICIAL DA CORRIDA:
Pole Position - VETTEL
Posição no Grid Aleatória (18º) - BUEMI
Volta mais rápida na corrida - BUTTON
1º colocado na corrida - BUTTON
2º colocado na corrida - WEBBER
3º colocado na corrida - VETTEL
4º colocado na corrida - TRULLI
5º colocado na corrida - ROSBERG
6º colocado na corrida - MASSA
7º colocado na corrida - KUBICA
8º colocado na corrida - GLOCK

PONTUAÇÃO NO BOLÃO:
15 pontos - JIMMY / MATHEUS SILVA
14 pontos - XANDÃO
13 pontos - RUI LENHARI R10 / LEONARDO / ALE / IGOR DPN
10 pontos - FABRICIO / CASSIO / RUDSON K9
09 pontos - GUILHERME BAL
08 pontos - RODRIGO PIOIO
05 pontos - DR. ROQUE
03 pontos - MARCOS / VANUSA / RAFAEL ORLANDO / DIOGO
02 pontos - TIO BRUNO
01 ponto - A. ROQUE
Os demais participantes não pontuaram
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

CLASSIFICAÇÃO GERAL:
01º - 78 pontos - IGOR DPN
02º - 74 pontos - TIO BRUNO
03º - 71 pontos - RUI LENHARI R10
04º - 68 pontos - DUFF
05º - 64 pontos - CÁSSIO
06º - 63 pontos - RODRIGO PIOIO
07º - 60 pontos - JIMMY
08º - 58 pontos - MARCELÃO
09º - 55 pontos - BODIM
10º - 47 pontos - ANGELO DUI
11º - 45 pontos - ANDRÉ ROQUE
12º - 41 pontos - MATHEUS SILVA
13º - 34 pontos - A. ROQUE / ALE
15º - 32 pontos - DR. ROQUE / RUDSON K9
17º - 31 pontos - LEONARDO / VANUSA / MARCO / XANDÃO / GUILHERME BAL
22º - 28 pontos - FABRICIO / CARLOS CARIOCA
24º - 27 pontos - CIN / DIOGO / JUNIOR GOMES
27º - 26 pontos - LUCAS ALONSO
28º - 24 pontos - S / RODRIGO CABRAL
30º - 22 pontos - WESLEY / RAFAEL ORLANDO
32º - 19 pontos - OTÁVIO
33º - 18 pontos - ENGENHEIRO BETÃO / MAURICIO PELOSO
35º - 15 pontos - LITTLE LUCY
36º - 12 pontos - THE SWAN
37º - 10 pontos - ELMER
38º - 08 pontos - TIMBÓ / DOU JUANES
40º - 04 pontos - VALÉRIA
41º - 03 pontos - STIK10 / MARCOS
43º - 02 pontos - ROJO
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

GP DA TURQUIA: A CORRIDA

FÓRMULA INDY - HELIO VENCE NO TEXAS



CLASSIFICAÇÃO:
01º - 199 pontos - Ryan Briscoe - Penske
02º - 196 pontos - Scott Dixon - Ganassi
03º - 188 pontos - Dario Franchitti - Ganassi
04º - 186 pontos - Helio Castroneves - Penske
05º - 167 pontos - Danica Patrick - Andretti-Green
06º - 152 pontos - Dan Wheldon - Panther
07º - 146 pontos - Tony Kanaan - Andretti-Green
13º - 106 pontos - Rafael Matos - Luczo-Dragon
17º - 095 pontos - Mario Moraes - KV
21º - 062 pontos - Vitor Meira - Foyt

PRÓXIMA ETAPA:
21/06/2009 - GP Iowa (oval)

FRASE DO DIA

"Pode ser os dois. Pode ser um erro do piloto, ou pode ser o fato de o piloto estar querendo otimizar ao máximo (o uso da embreagem na largada). É difícil saber."

Ross Brawn falando sobre o "problema" ocorrido com Rubens Barrichello.

As desculpas estão ficando escassas...

COMO PARAR JENSON BUTTON

Essa série está ficando divertida...

sábado, 6 de junho de 2009

GP DA TURQUIA: O PESO NAS COSTAS DE CADA UM...

1 - Sebastian Vettel - 649,5 kg
2 - Jenson Button - 655,5
3 - Rubens Barrichello - 652,5
4 - Mark Webber - 656,0
5 - Jarno Trulli - 652,0
6 - Kimi Raikkonen - 658,0
7 - Felipe Massa - 654,0
8 - Fernando Alonso - 644,5
9 - Nico Rosberg - 660,0
10 - Robert Kubica - 664,0
11 - Nick Heidfeld - 681,5
12 - Kazuki Nakajima - 680,4
13 - Timo Glock - 689,0
14 - Heikki Kovalainen - 665,0
15 - Adrian Sutil - 668,5
16 - Lewis Hamilton - 696,5
17 - Nelson Piquet - 689,6
18 - Sébastien Buemi - 686,5
19 - Giancarlo Fisichella - 688,5
20 - Sébastien Bourdais - 701,0

ANÁLISE TÉCNICA: CLASSIFICAÇÃO GP DA TURQUIA

Vamos analisar, setor a setor, o porque de Sebastian Vettel ter feito a pole-position para o GP da Turquia, de acordo com as informações levantadas pela FIA.


(clique para ampliar)

Analisando, setor a setor, verificamos que é exatamente no segundo setor que Vettel tem a maior diferença para os pilotos da Brawn.

Destaque para as poucas diferenças entre os setores, o que demonstra que, apesar de tudo, a corrida tende a ser muito parelha.

sexta-feira, 5 de junho de 2009

GGOO MEMÓRIA: GP DA TURQUIA, 2006



A primeira vez de Felipe Massa!

COLUNA DO ROQUE: A ÉTICA DE HOMER SIMPSON

O mundo do automobilismo vive uma fase negra. Nunca antes na história deste esporte (epa!) os aspectos políticos estiveram tão a frente dos pilotos e carros como agora. Mesmo nas grandes transformações da categoria, no fim dos anos 60 e no fim dos anos 80, o esporte perdeu o seu valor como agora.

Os pilotos são meros fantoches das decisões a eles impostas. Nessa hora, faltam-lhes personalidade para correr atrás das suas próprias decisões, mas isso também é entendível, é mais fácil ser bem remunerado para ficar quieto e fazer o que os seus engenheiros e chefes do que fazer alguma declaração bombástica que pode, no futuro, prejudicar os seus rendimentos.

A verdadeira ética de Homer Simpson entra em cena da F-1. Quem de nós só quer "fazer o seu" e deixar que os outros se virem? Quem de nós não quer ser milionário por alguns instantes e esquecer "dos problemas da vida"? Quem de nós nunca culpou os outros para justificar o seu desinteresse ou mais ainda para justificar o seu próprio erro?

Isso tudo caracteriza o quanto é fácil "abaixar a cabeça" ao invés de lutar pelos seus objetivos. Limpar rodas, pilotar com a faca nos dentes, ganhar a corrida para ter dinheiro para correr na próxima? Cadê a personalidade de todos?

Cadê aquele piloto que fala o que pensa, abertamente, que fuma o seu cigarro enquanto dá uma entrevista para televisão, que esconde o papel higiênico para prejudicar o companheiro de equipe?

Esse mundo certinho demais deixa todos nivelados pelo pior nível possível, a mediocridade. Falta gente que fala. Falta gente que faz.

É por essas e outras que as coisas vão mudando e passamos não mais a torcer por um piloto, todos são iguais, são commodities, se não vier esse, que venha o outro. Essa é a safra do automobilismo brasileiro, do automobilismo mundial. Tudo é descartável por ser tudo igual.

Infelizmente os torcedores de verdade não tem voz ativa, não são chamados à participar...e nos resta apenas torcer para que a ética de Homer Simpson seja, também, uma fase passageira e que essa relação pilotos X público X esporte, volte a encantar, por que, sinceramente, eu cansei!


Para encerrar, deixo o nosso luto às famílias dos envolvidos no desaparecimento do Voo 447. Nossas condolências.

Falando um pouco sobre esporte...

Bom, como ultimamente só se fala sobre política e pouca esportividade na F1, resolvi mudar o foco nesse post...

Ao invés das quatro rodas, teremos apenas duas nesse post...

Não irei ficar explicando, simplesmente assistam e tirem suas conclusões:

Espanha 2005


Alemanha 2003


Como diria o Roque... ahhhhhh que saudades dos toques que eram decididos na pista e não em decisões políticas e mesquinhas!!!


PS: Obrigado ao Paulo que trabalha comigo pelos vídeos enviados!!!

BOATOS E PRESSÕES

Os boatos das novas equipes se tornam frequentes. Nomes consagrados, mesmo sem seu espírito inicial, voltam à tona.

Poucas tem chance de alinhar, mas satisfazem o ego de Max Mosley. A atuais equipes, lutam contra tudo e todos.

Ambos perdem, sempre!

E quem perde mais com essa confusão toda são os fanáticos e apaixonados por corridas, que tem que aguentar locutores chatos, madrugadas, para ver esse fantástico circo....que cada vez mais está habitado por palhaços sem graça!

[OFF] ENTENDA O QUE É GLOBALIZAÇÃO

O QUE É GLOBALIZAÇÃO?
SIMPLESMENTE FANTÁSTICA A DEFINIÇÃO.

Pergunta: Qual é a mais correta definição de Globalização?
Resposta: A Morte da Princesa Diana..
Pergunta: Por quê?
Resposta: Uma princesa inglesa com um namorado egípcio, tem um acidente de carro dentro de um túnel francês, num carro alemão com motor holandês, conduzido por um belga, bêbado de whisky escocês, que era seguido por paparazzis italianos, em motos japonesas. A princesa foi tratada por um médico canadense, que usou medicamentos americanos. E isto é enviado a você por um brasileiro, usando tecnologia americana (Bill Gates), e,provavelmente, você está lendo isso em um computador genérico que usa chips feitos em Taiwan, e um monitor coreano montado por trabalhadores de Bangladesh, numa fábrica de Singapura, transportado em caminhões conduzidos por indianos, roubados por indonésios, descarregados por pescadores sicilianos, reempacotados por mexicanos e, finalmente, vendido a você por chineses, através de uma conexão paraguaia.
Isto é, caros amigos, *GLOBALIZAÇÃO! !! *

AO VIVO: GP DA TURQUIA - TREINOS LIVRES

Acompanhe, ao vivo pela GGOO, o GP da Turquia de Fórmula 1.

Watch live video from tubatv1 on Justin.tv

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Passado x Futuro

Schumacher já se aposentou, porem deixou um herdeiro. Aqui ele ensina os primeiros passos ao seu futuro substituto. Quem diria ein?

Fonte: Google (A mesmo fonte de todos os trabalhos para escolas, faculdades e universidades)

Brabham de volta? Sim!

Tetracampeã do Mundial de Pilotos da Fórmula 1, a Brabham pode encerrar uma ausência de 16 anos e voltar à ação em 2010. A montadora inglesa anunciou nesta quinta-feira que também tem interesse em participar da categoria a partir da promulgação do teto orçamentário de R$ 130 milhões. Agora, já são 18 os times inscritos no próximo campeonato, sendo que os 13 escolhidos serão divulgados pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) em 12 de junho.
Tradicional equipe que estreou na Fórmula 1 em 1962, a Brabham se consagrou na competição de pilotos em quatro oportunidades e na de construtores, em duas, tendo seus carros guiados por nomes consagrados como os de Nelson Piquet - campeão com os ingleses em 1981 e 1983 -, Niki Lauda e Graham Hill. Sua última participação na elite do automobilismo foi em 1992, quando um colapso financeiro a afastou das atividades esportivas.
Mais de uma década depois, contudo, a escuderia cujo quartel-general fica em Milton Keynes quer retornar, conforme anunciou nesta quinta através de um comunicado. "Ficaríamos felizes por entrar na Fórmula 1 como um time cumpridor do teto orçamentário e por encarar os desafios das novas regras".
Caso vença a concorrência e seja apontada como uma das 13 competidores da elite do automobilismo em 2010, a Brabham terá como diretor-técnico Mark Preston, que ocupava um cargo semelhante na Super Aguri. O possível retorno dos ingleses, aliás, tem bastante relação com a extinta equipe - comprador do espólio dos japoneses em fevereiro passado, o empresário alemão Franz Hilmer é quem encabeça o mais novo projeto.
Antes do time de Hilmer, todas os dez atuais integrantes da Fórmula 1 haviam submetido suas incrições até o fim da semana passada (BMW Sauber, Brawn GP, Ferrari, Force India, McLaren, Red Bull, Renault, Toro Rosso, Toyota e Williams). Já Campos, Epsilon Euskadi, Lola, N.Technology, Prodrive, Superfund e USF1 tentam ser as novidades na categoria, totalizando um total de 18 candidatos.

Fonte: Terra

---

Das 18, 13 estarão na F1 em 2010. A volta das equipes antigas é um choque para nós, amantes da velocidade, esses dias cheguei a pensar: "Pra que Ferrari se podemos ter de volta, quem sabe, Brabham, Tyrrell, Lotus, dentre outras?"

FOTO DO DIA



Felipe Massa - GP da Turquia, 2005

ISTANBUL NOT BY GGOO... :-(

Opa galera...

É, eu sei, o nome do post está diferente... isso porque devido a problemas técnicos com o GGOO Car (entenda-se como a famosa tela azul do windows), a nossa apresentação da pista dessa semana acabou se tornando inviável...

Porém, não pensem que vocês, caros leitores, ficarão sem conhecer a pista da câmera on-board de um F1... Uma pista que, em minha humilde opinião de torcedor e apreciador de simulador, é uma das melhores do atual circo da F1...

Com vocês, Istanbul por aquele que é o maior vencedor desse GP...



Enjoy!!!

quarta-feira, 3 de junho de 2009

QUESTÃO PARA SE PENSAR....

Será que só o fato de guiar melhor no sentido anti-horário, faz de Massa um dos favoritos para o GP da Turquia?

Cartas para a redação!

PITACOS DO GP: TURQUIA, 2009

Vamos a mais uma série de pitacos, desta vez para o GP da Turquia.

Treinos:

1 - Felipe Massa
2 - Rubens Barrichello
3 - Jenson Button
4 - Sebastian Vettel
5 - Kimi Raikkonen
6 - Fernando Alonso
7 - Lewis Hamilton
8 - Mark Webber
9 - Nico Rosberg
10 - Jarno Trulli

Corrida:

1 - Felipe Massa
2 - Rubens Barrichello
3 - Jenson Button
4 - Kimi Raikkonen
5 - Sebastian Vettel
6 - Lewis Hamilton
7 - Fernando Alonso
8 - Mark Webber

Aguardemos!

OFF (muito louco) - "RENDEZVOUS IN PARIS" - O CURTA DE CLAUDE LELOUCH

Leia a história abaixo, deixe de lado a crítica moral e aproveite este extraordinário filme.

Em agosto de 1978, o cineasta francês Claude Lelouch montou uma câmera giroscopicamente estabilizada na frente de uma Ferrari 275 GTB e convidou um amigo, piloto profissional de Formula 1, para fazer um trajeto no coração de Paris à maior velocidade que ele pudesse. A hora seria logo que o dia clareasse. O filme só dava para 10 minutos e o trajeto era de Porte Dauphine, através o Louvre até a basílica de Sacre Coeur.
Lelouch não conseguiu permissão para interditar nenhuma rua no trajeto.
O piloto completou o circuito em 9 minutos, chegando a 324 km por hora em certos momentos.O filme mostra ele furando sinais vermelhos, quase atropelando pedestres e entrando em ruas de mão única na contra-mão.
Quando mostrou o filme em publico pela primeira vez, Lelouch foi preso. Ele nunca revelou o nome do piloto e o filme foi proibido, passando a circular só no underground.
Se você não viu ainda o clássico, prenda a respiração e clique no link abaixo. Se você já viu, veja de novo, vale a pena.
Ligue o som e curta.

terça-feira, 2 de junho de 2009

CHARGE DA GGOO - GP DE MÔNACO

PARA 2010...

Veremos um novo desenrolar.

O mundo discute-se quais serão as equipes que devem ficar na temporada seguinte, a esperança é que os apaixonados por esporte voltem a ter certo tipo de figuração.

Eles são a força motriz da paixão que envolve milhões de pessoas e que levam as mesmas a torcerem por suas equipes.

Quem de nós torce pra uma montadora? Poucos...

Cabe à FIA levar isso em conta e fazer, de 2010, um campeonato atrativo para os fãs do esporte sem esquecer da sua lucratividade.

segunda-feira, 1 de junho de 2009

[OFF] ANTI FURTO REVOLUCIONÁRIO

Já que a criatividade dos ladrões de carro não tem fim, o negócio é contra atacar na mesma moeda!!
video

FRASE DO DIA

"Realmente acho que vencerei um GP neste ano e espero que seja mais de um, pois, pela primeira vez em minha carreira, tenho chance de fazer isso".

Mark Webber, num momento Rubens Barrichello de ser...