terça-feira, 30 de setembro de 2008

TROCA TROCA

Sai Piquet entra Di Grassi, é o que crava a revista Autosport. 

O destino de Piquet...Honda ou Williams, informa Victor Martins.

BARRICHELLO: NA RAÇA E NA VONTADE?

Como bem lembrou nosso amigo Stik, tempos atrás, o futuro de Barrichello pertence à F-1. Ninguém fala de sua aposentadoria e seu nome é cotado para algumas equipes.

Nesta última corrida as declarações dele após mais uma quebra: "Prefiro não falar mais nada, porque senão eu xingaria todo mundo da equipe, e eles não merecem...", me soaram como um desabafo ao atual momento da equipe. Mais do que isso, deu a entender que depois de tantas batalhas e tantas perdas o sentimento de Barrichello é de separação.

Um separação que vem embalada pelos carros ruins e a falta de resultados tanto da equipe quanto do piloto.

Só nos resta agora torcer para que uma equipe mediana resolva apostar no nosso "jovem" veterano, lhe dando oportunidades para mostrar seu real valor como acertador de carro, por que para ganhar o título, é difícil.

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

GGOO!!! BOLÃO F1 2008 - Resultados do GP de Cingapura

RESULTADO OFICIAL DA CORRIDA:
Pole Position - MASSA
Posição no Grid Aleatória (16º) - PIQUET
Volta mais rápida na corrida - RAIKKONEN
1º colocado na corrida - ALONSO
2º colocado na corrida - ROSBERG
3º colocado na corrida - HAMILTON
4º colocado na corrida - GLOCK
5º colocado na corrida - VETTEL
6º colocado na corrida - HEIDFELD
7º colocado na corrida - COULTHARD
8º colocado na corrida - NAKAJIMA

PONTUAÇÃO NO BOLÃO:
12 pontos - AUGUSTO ALAN BICO
11 pontos - JUNIOR GOMES
09 pontos - MARCOS / FABRICIO
08 pontos - LEONARDO
06 pontos - DUFF
03 pontos - JIMMY / RUI LENHARI / SILVIO / IGOR / RODRIGO CABRAL
Os demais participantes não pontuaram
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

CLASSIFICAÇÃO GERAL:
01º - 224 pontos - A. ROQUE
02º - 204 pontos - AUGUSTO ALAN BICO
03º - 178 pontos - RUI LENHARI
04º - 174 pontos - JIMMY
05º - 171 pontos - IGOR
06º - 167 pontos - LEONARDO
07º - 158 pontos - RODRIGO PIOIO
08º - 155 pontos - JOÃO
09º - 149 pontos - FABRICIO
10º - 147 pontos - RODRIGO CABRAL
11º - 143 pontos - RUDSON
12º - 139 pontos - MARCOS
13º - 118 pontos - STIK10
14º - 116 pontos - CÁSSIO
15º - 112 pontos - DUFF
16º - 097 pontos - ROSE
17º - 090 pontos - FERNANDA
18º - 088 pontos - SAMUEL SANCHES
19º - 075 pontos - JORGE
20º - 070 pontos - JORGE ASSOMBRADO
21º - 067 pontos - ELMER / MARILDA
23º - 064 pontos - CAROLINA
24º - 060 pontos - NETO ROX
25º - 058 pontos - OTÁVIO
26º - 057 pontos - SILVIO
27º - 055 pontos - DOU JUANES
28º - 049 pontos - JUNIOR GOMES
29º - 039 pontos - LOLI CAROLA
30º - 037 pontos - CLAU
31º - 033 pontos - CINTHIA
32º - 027 pontos - EDUARDO
33º - 015 pontos - ANDRÉ
34º - 012 pontos - LUCAS
35º - 003 pontos - KARLLUS
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

AS APOSTAS PARA O GP DO JAPÃO JÁ ESTÃO ABERTAS,
CLIQUE AQUI E PARTICIPE!


GP DE CINGAPURA: O QUE ESPERAR DELES?

O que esperar deles, essa é a frase mais utilizada na Fórmula 1 após o GP de Cingapura. O que esperar de personagens que não podem, nem devem, ser tratados como quadijuvantes e que, desta vez ditaram seus rumos na carreira ou no campeonato de 2008.

Começando pelos pilotos, o que esperar de Nelsinho Piquet, Kovalainen e Raikkonen, hoje segundos pilotos em suas respectivas equipes (Renault, McLaren e Ferrari)? De Piquet, a corrida noturna representou a sua saída da Renault, em um ano em foi ameaçado várias vezes de demissão, a batida nesta prova e a vitória de Alonso foi a gota d´água, melhor frase pra isso: "Sorry Guys", ouvido pelos 4 cantos do mundo após o seu acidente, soou com o tom de despedida, de alguém que prometia e nada ou pouco fez.

Kovalainen, apesar de ter ganho uma corrida circunstancial, não é digno de uma equipe de ponta, está certo, tem algum talento, mas com o carro que tem (e sempre comparado com Hamilton), não fez nada. A prova disso é que largou em 4º e chegou lá atrás...outro exemplo foi no GP da Itália quando poderia ter atacado com mais contundência Vettel e não conseguiu se aproximar. Se fosse Ron Dennis, mandaria ele embora e chamaria um piloto experiente para o seu lugar, mesmo que fosse pra ser segundo piloto. Em um campeonato tão disputado quanto esse, as equipes precisam contar com seus dois pilotos na melhor das formas e esse não é o caso da McLaren.

Falando em pilotos na melhor das formas, é incrível o poder de distração de Kimi Raikkonen, daquele piloto brilhante no final do ano passado ao piloto apagado deste ano muita coisa mudou. Não consegue nem ajudar a si próprio, cometendo erros atrás de erros, destacando-se somente nas melhores voltas. Isso é muito pouco para um piloto campeão do mundo. Se o seu problema é bebida, que volte a beber, ora pois...do outro jeito era bem melhor.

E por fim, uma equipe, líder de campeonato, não pode se dar ao luxo de errar tanto em um ano como a Ferrari está errando este ano, é incrível a falta de uma autoridade presente na mureta dos boxes que saiba administrar bem as operações de pista, bem como o ímpeto de seus pilotos. A corrida de Cingapura, possivelmente, jogou por terra todo o esforço de Massa para conquistar o título.

Diante deste cenário, o que podemos esperar deles, mesmo?

COMENTÁRIO DO GP

Comentário feito no Blog do Ico:

“Mas esse é o país da piada pronta mesmo! Depois que some a vara da Fabiana Murer, agora é o Felipe Massa que sai com a mangueira engatada. E ficam dizendo que o problema é que faltou o pirulito!”


Simplesmente fantástico.

domingo, 28 de setembro de 2008

GP's CENTENÁRIOS: GP 500 - AUSTRÁLIA 1990

Já que não deu hoje para Felipe Massa, vamos voltar no tempo e ver a brilhante vitória de Nelson Piquet no GP da Austrália de 1990.

sábado, 27 de setembro de 2008

FOTO DO DIA

Fisichella, voando (literalmente) pelas ruas de Cingapura.

NO TEMPO DO CARBURADOR - 1972, o ano em que tudo começou...

A vinda da F1 para o Brasil, mais precisamente para São Paulo aconteceu por uma junção de fatos coincidentes que terminaram por trazer o GP ao nosso país.

Junte um país que tinha tudo para dar certo, pelo menos dizem isto até hoje! A ideologia ufanista de um Brasil que dava certo, afinal éramos tri-campeões mundiais de futebol, a nossa economia crescia devido ao milagre brasileiro perto de 10% ao ano, a industria automobilística dava uma arrancada enorme com novas fábricas se instalando e novos modelos sendo lançados, tínhamos uma geração que dava certo no automobilismo, Wilsinho, Marivaldo, Luis Pereira Bueno, Jaime Silva, Pace substituíram na memória Chico Landi, Bino entre outros, as industrias investiam nas corridas, não monomarcas, pois era um meio de identificar o produto com seus consumidores, o governo fazia a Transamazônica e todas as ...BRAS da vida.

Junte-se a isto um empresário com visão, o Antonio Carlos Scavone, uma rede de televisão disposta ajudar no projeto, pois é ela mesmo, a plim plim, autódromos novos sendo constuidos, de novo o ufanismo de ter um piloto que em seu primeiro ano ganhou uma corrida de F1, tinha tudo para se tornar-se um novo campeão mundial, afinal este era um país que vai prá frente...Do ame-o ou deixe-o, Era ano do Sesquicentenário da Independência e na primeira transmissão coloque o Geraldo José de Almeida transmitindo...Quem é chapa preta vai se lembrar o que é que é isso minha gente!!!

Então tudo vingou para termos uma corrida extra campeonato em Interlagos e este dia só não foi mais completo porque a Lotus/John Player Special, quebrou a suspensão deixando aqueles quase 30.000 espectadores desiludidos com o resultado, mas sem saberem ao certo no que aquele dia daria...No final do ano o Rato foi campeão e em 1973 a história já começava a ser contada de maneira diferente, mas isso já é outra história e fica para uma próxima vez...

Esta coluna é dedicada aos chapas pretas, que pularam muito muro, ficaram 4 dias acordados e sem tomar banho, sem se alimentar no retão só para ver alguns doidos correndo, hoje pode-se dizer que os substitutos desta geração é a GGOO, algumas citações, e não são poucas, só o pessoal mais antigo vai lembrar, mas nada como empurrar o Copersucar de sua garagem em frente ao portão F até a pista para vê-lo treinar.

Um abração a todos e até a próxima.

Dr. Roque, o da curva 3 e retão!

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

CINGAPURA POR RODRIGO PULGA!

Enquanto os demais sites e blogs usam recursos tecnológicos para mostrar a pista para seus leitores, nosso modesto blog, graças ao mágico Rodrigo Pulga deu umas voltinhas por lá através do simulador da BMW Sauber.

Bom divertimento a todos e, Pulga, valeu!

COLUNA DO ROQUE: TEM PAPEL HIGIÊNICO AÍ?

Tudo pronto para o GP Brasil de 2001. Ingressos comprados e a esperança de ver Rubens Barrichello vencer pela primeira vez no seu país natal faz com que uma verdadeira multidão invadisse Interlagos vestida de vermelho.

Após a sua primeira vitória e da sequência de bons resultados no final da temporada de 2000, esperava-se que ele pudesse fazer uma grande corrida e, por fim, acabar com o jejum que tanto o incomodava.

Mas tudo conspirou contra Rubinho no sábado, em nenhuma das 12 voltas em que ele tinha direito ele conseguiu encaixar aquela perfeita, aquela que fizesse vibrar a galera, aquela que animasse todos e incentivasse a aquele verdadeiro fervor que foi em 1999, resultado 8º no grid e uma ponta de frustração.

Chegou domingo, e pra quem gosta de corrida é o dia em que tudo acontece. Cinco horas da manhã todos de pé, últimos lanches sendo preparados, a ansiedade vai tomando conta de todos. Seis e pouquinho, todos à postos hora de sair e pegar os ônibus (ainda não eram oferecidas as vans) com destino a Interlagos.

As surpresas começaram ao entrar no ônibus e perceber que o motorista não sabia direito o caminho, para ajudar um argentino se prontificou...resultado, fomos parar na avenida errada. As risadas e as insatisfações e xingamentos tomavam conta enquanto uma outra pessoa resolveu assumir o controle da situação e tentar acertar os rumos com o auxilio dos demais passageiros. Mais insatisfação e a impaciência foi tomando conta de todos.

Mas tudo dá certo e tempos depois estávamos lá desembarcando na porta do Setor G que, por algum motivo tinha uma fila monstruosa que dava 2 voltas entre o portão do Kartódromo e o Portão 7. Muitos furavam fila, os vendedores ambulantes aproveitavam para vender capas de chuvas e outras "pechinchas" para inglês ver.

E nesse tempo, algo inesperado aconteceu. Uma vontade incontrolável de ir ao banheiro se fez presente e com o afunilamento da fila o desespero foi tomando conta e, com isso, o suor foi aparecendo. Suando frio não havia outra alternativa a não ser torcer para que a fila andasse o mais rápido possível, tarefa difícil já que a PM fazia um verdadeiro pente fino nas revistas. Quanto mais nos aproximávamos da entrada, mais incontrolável ficava a situação.

Enfim passamos pela revista e ao entrar, ao invés de corrermos para a arquibancada, o banheiro foi o seu destino. A sorte é que nessa hora os banheiros ainda estavam limpos e o papel higiênico estava mão, o alívio foi a melhor sensação do mundo naquele momento.

Passado o susto, voltamos a nossa atenção para a corrida e novas emoções aconteceriam. Na volta de verificação, antes do alinhamento para o grid o carro de Barrichello apresenta um sério problema. Nas arquibancas ninguém entende nada, Rubinho corre, a equipe corre, o narrador global reza, todos torcem, faltam 15 segundos para os boxes fecharem, o ronco da Ferrari toma conta de Interlagos, a galera vibra...a chance estava de volta na mesa. Veio a largada, os acidentes, a ultrpassagem clássica de Montoya sobre Schumacher...e o resto é história.

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Ultrapassar pela Chicane?


Como pode ver na foto acima, a FIA mostra que está muito preocupada com esse negócio de ultrapassar pela chicane, e claro, anda tomando as devidas "soluções".

Quero ver se não irá acontecer uma confusão ali. Sorte que em Monaco não é assim.


A Ferrari também mostrou bastante interesse pela área. Porque será?


Fala sério. Não lembra os "bloquinhos" que encontramos em algumas ruas por ai?

Tem tudo e mais um pouco para ser um GP inesquecível. Isso se chover, se não chover deverá ser uma bela soneca para os telespectadores.

GP's CENTENÁRIOS: GP 200 - MONACO 1971

O GP 200, teve a vitória de Jackie Stewart que partia dai para seu bi-campeonato. Mas antes de mostrarmos a corrida, Stewart nos mostrará como era dirigir pelas ruas monegascas, com chuva:



Agora a corrida:



Muito legal ver o design dos carros, muito diferentes entre si e bem diferente da mesmice de hoje em dia.

GP's CENTENÁRIOS: GP 300 - AFRICA DO SUL

O GP de Cingapura representará a 800ª corrida da história da Fórmula 1. É a primeira vez que a corrida centenária acontece em um GP estreante, tão especial quanto este.

O primeiro GP que selecionamos, foi o GP 300 realizado na África do Sul, com vitória de Ronnie Peterson, veja as imagens dos momentos finais em uma intensa disputa, roda a roda, curva a curva com Patrick Depailler, na última volta do GP:

DI GRASSI NA RENAULT?

É o que explica o intrépido Blog do Victal:

"Comentário de fonte próxima: Lucas Di Grassi está muito bem cotado na Renault. E para assumir a vaga de titular independente do que decidir Fernando Alonso.

A equipe gostou bastante do desempenho do brasileiro na semana passada em Jerez de la Frontera, em que acabou batendo o recorde da pista espanhola, de asfalto novo, com um carro do time anglo-francês."

A ver...

A VOLTA DO MELHOR!

Faço minhas as palavras que Fábio Seixas publicou em seu blog:

"Sabe quem está de volta ao microfone? Edgard Mello Filho, o inconfundível.

Conhecedor do esporte a motor como poucos, é das melhores figuras que conheci no meio. Se você já cruzou o Edgard por aí ou já ouviu alguma transmissão com ele, sabe do que estou falando...

Bom, Edgard agora está na
RaceTV e comanda o Roda de Box, ao vivo.

Ele também vai participar das transmissões ao vivo do site-TV: Porsche, Maserati e GT3.

Eu vou assistir. Para aprender e matar a saudade."


Não percam, o melhor narrador do Brasil de volta à ativa.

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

SERÁ QUE TEMOS ESSE DIREITO?

Salve, nobres integrantes da GGOO (ou nobres FDP's, como queiram)!

Ouço e leio muitas pessoas reclamando das atuais declarações de Lewis Hamilton e, antes de mais nada, gostaria de deixar bem claro que sou uma dessas pessoas.

Pois bem, tais declarações têm causado um certo mal-estar entre os fãs brasileiros (talvez até mundias, mas não vem ao caso, foco no Brasil agora) devido ao envolvimento direto de Felipe Massa na briga pelo título. Daí eu pergunto:

"Será que temos o direito de reclamar de Lewis Hamilton?"

Vamos voltar alguns anos, uns 16 tá bom? Sim, acho que sim. Tínhamos um mestre em declarações para exaltar os ânimos (já exaltados) da apaixonante torcida brasileira. Movimentos estudados, como de um pensador, dando aquela pausa e inspirando fortemente, como quem espera uma inspiração divina para uma resposta na coletiva de imprensa. E ela vinha... frases marcantes, fortes, filosóficas... sempre inflamantes no peito dos brasileiro. Bem, acho que vocês sabem de quem falo. Tais atitudes junto da incrível capacidade de pilotagem o tornaram o maior ídolo do país.

E agora voltaremos um pouco mais...25 anos, década de 80, pode ser? Bem, uma equipe inglesa...um piloto inglês..casamento perfeito, certo? Quase. Havia um certo piloto brasileiro nessa equipe, esperto que era já entendeu como as coisas funcionariam. O que fazer, então? Lado pscicológico. Infernizou a vida desse piloto Inglês dentro e fora das pistas com declarações ora fortes, ora hilárias, enfim, soube como poucos a arte da influência pscicológica. Funcionou direitinho. Vocês são ligeiros, acho que já mataram quem é o brazuca...

Agora uma reflexão, ou seria uma constatação pessoal? Não sei. Só queria alertar pro fato de que Hamilton está usando dos mesmos artifícios extra-pistas que nossos próprios ídolos utilizaram no passado!

E "intra-pista"?? Por enquanto tá devendo... quem sabe se avançarmos um pouco no tempo...5 anos, pode ser?

Abraço!

Vagner Giacomazzi (Duff)

CONHECENDO CINGAPURA...

Excelente vídeo realizado pela Red Bull, mostra os detalhes do sintuoso circuito de Cingapura em todos os detalhes...



Imagino como uma nova Mônaco, com a diferença de ser a noite...

OFF - MULHER X FERRARI...QUEM VENCE??

Quem tem mais poder, uma linda e formosa mulher ou uma Ferrari??
Acho que o vídeo abaixo traz a resposta...

terça-feira, 23 de setembro de 2008

E SAIU O VEREDITO...

e Massa foi confirmado como vencedor do GP da Bélgica...portanto, está a apenas um ponto de Hamilton.



Chiadeiras a parte, o campeonato pegará fogo daqui pra frente.

CENAS DOS BASTIDORES

Enquanto o mundo aguarda a decisão da FIA sobre o julgamento de Lewis Hamilton, a Folha de SP de hoje trás algumas revelações sobre o (pastelão e até bate boca) que aconteceu na audiência de ontem, que durou 6 horas e não chegou ao veredicto final:

Enquanto Hamilton passou a maior parte do tempo dividido entre mensagens via celular e idas e vindas de dossiês, o advogado da Mclaren, visivelmente nervoso, derrubou duas vezes seu copo de água nos documentos e em Hamilton, que o socorreu com lenços de papel nas duas ocasiões.

Em outra ocasião, Hamilton discutiu de forma áspera com o advogado da Ferrari que fez suposições sobre a referida manobra em julgamento: "Você é piloto? Não. Eu sou desde os oito anos e sei de cor cada uma das manobras. Por isso sou o melhor no que faço.", disse o piloto inglês.

Fonte: Folha de SP

O que mais me chama mais a atenção não é o julgamento em si, mas sim a forma como a Mclaren se preparou para tal. Primeiro com um advogado que, possivelmente, não estava capacitado para tal, depois com a postura arrogante - mais uma vez - de Hamilton que ficou mandando SMS ao invés de se concentrar no cerne do julgamento e se considerando o melhor da categoria.

Hamilton, um bom conselheiro lhe cairia bem neste momento...tenha cabeça ... ou não e deixe Felipe Massa ser campeão.

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

OFF - (não muito) - DÓI SÓ DE OLHAR

Indicação do meu amigo Léo Sena, algumas pancadas de respeito, que como o título diz, doem só de ver!!

PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR...


Após ver esta foto do vencedor da etapa de Dover da Nascar no site Grande Prêmio, me fiz a seguinte pergunta: Porque que a Fórmula 1 não poderia usar trófeus como estes ao invés dos utilizados ultimamente?

domingo, 21 de setembro de 2008

Especulações 2009 - Rubens Barrichello

Em um mar de informações desencontradas a temporada 2009 da F1 vai se formando, enquanto que a realidade nos bastidores é bem diferente. Disseram que Kimi Raikkonen aposentaria e que Alonso tomaria seu lugar. Conversa. Raikkonen renovou e Alonso não sabe onde quer ficar.

A mais recente informação sobre Rubens Barrichello é a de que ele estaria de contrato assinado com a Williams para 2009, o que parece ser impossível tendo em vista que a Williams não quer perder Nico e depende de Nakajima para ter os propulsores da Toyota. A não ser é claro que Nico vá para a BMW, mas ninguém fala disso, e dizem por ai (mais especulação) que para 2009 a BMW estará fraca, ou então a Toyota pare de “ajudar” a Williams, ai Nakajima dança bunito.

Oportunidades para Barrichello não faltam, Toro Rosso, Renault e a própria Honda podem ser seu destino, a única coisa não é cogitada, é sua aposentadoria. Não é cogitada pelo mundo, já que se fosse só pelo Brasil ele não passaria de 1997. Toro Rosso não parece complicado, Bourdais está mal, Sato é menos experiente e veloz, e Buemi precisa de um parceiro experiente. Renault só seria possível numa eventual "troca" Alonso>Barrichello, e mesmo assim tem Di Grassi junto. Creio que ele fique na Honda mesmo. Carro ruim, equipe que não se ajeita. Creio que nesse caso deveríamos torcer por grandes mudanças com a nova aerodinâmica de 2009. E tem a Petrobrás, e junto com ela o perigo do nome Senna.

sábado, 20 de setembro de 2008

NO CAMINHO PARA INTERLAGOS, Você vem?


Já nos preparativos para curtir a emoção da Fórmula 1 em São Paulo? Planejou como vai ser os seus dias nesta cidade? Você tem noção o que é a placa dos 50 metros? Você sabe o preço do bilhete do metrô ou do trem? Então é por aqui mesmo que você vai saber os detalhes, aquelas dicas bacanas, de como fazer parte da turma, procurar entender o que é está legião de apaixonados por Fórmula 1.

Nos arremates para o tão sonhado dia, a hora de botar o pé na estrada rumo ao templo da velocidade que é Interlagos, vale sempre acrescentar aquelas receitas de bolo: alimentação + acomodação + lazer = uma boa viagem. Juntar este trio parece fácil....mais...requer que você tenha sempre uma atenção maior, tente conhecer o local para onde você vai.....e principalmente onde vai colocar os pés pela primeira vez!

Há malucos pra tudo, espertinhos, duendes, fadas madrinhas e alguns meliantes. Na busca por informação você pode encontrar esta galera....fique esperto! Evite andar só, vá com algum conhecido da comunidade, da fila do ônibus. Faça amizades! Lembre-se: Você é a galinha dos ovos de ouro passeando no quintal alheio.

Para repor as energias vale as opções bem variadas em torno do autódromo: padarias, lanchonetes, mini mercados, pizzarias e....e....uns pé sujos de primeira! Prefira sempre a alimentação leve e modere na bebida, pois ninguém vai perder a corrida só pra cuidar de você...eu falei que somos loucos! Ano passado tivemos um brilhante gaiato que bebeu todas, comeu de tudo, gritou pulou, infernizou o pessoal na fila na madrugada do sábado, até na manhã do domingo, mas.....na hora da corrida ele não viu nada! Apagou! Perdeu a corrida! Pisou ou não pisou na bola?

Neste modo vou tentar passar a visão para quem chega em São Paulo para curtir tanto a Fórmula 1 como o Salão do Automóvel. Tentar fazer a logística da coisa, enriquecer o seu detalhe na observação dos momentos que você certamente vai ter conosco na Fórmula 1.


Junte-se a nós, venha com a GGOO!!! E vamos amarelar de vez a placa dos 50 metros.

Agora! Se você ta querendo trabalhar no GP, leia a noticia!

O grande prêmio de Fórmula 1 de São Paulo, em Interlagos, vai empregar 700 profissionais por 45 dias. As vagas são para controlador de entrada e saída de pessoas e veículos. O salário de R$ 35, para cada dia de trabalho prestado.

Para participar do processo seletivo não é necessário experiência, mas é preciso ter ao menos o ensino fundamental (podendo ser incompleto), disponibilidade de horário e morar na região de Interlagos.

A seleção ocorre na próxima segunda-feira (22), somente na unidade Interlagos do CAT (Centro de Apoio ao Trabalho) da Prefeitura de São Paulo, na avenida Interlagos, 6.122, das 7h às 16h. É preciso levar carteira de trabalho, RG e CPF e comprovante de residência.


Fonte: Site: http://www.autodromointerlagos.com/ em 19/set/2008

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Pneus de Cingapura


Isso que vocês estão vendo acima(a esquerda), é a pintura que a Bridgestone vai utilizar para a corrida noturna de Cingapura, será a mesma coisa que a faixa atual, porém, brilhante como disse a fabricante Japonesa.

Confirmado - Mais um "Sebá"


Franz Tost, dirigente da Toro Rosso, confirmou que Sébastien Buemi será o substituto de seu "xará" Vettel em 2009. O jovem piloto de apenas 19 anos, nascido na Suiça, ganhou a vaga nos teste em Jerez. Agora resta saber se seu companheiro será Bourdais, Senna, Barrichello, Sato ou outra surpresa qualquer.

Três "Sebás"

Se Bourdais for confirmado, serão 3 "Sebás" em 2009. Ai entra minha duvida. A quanto tempo a F1 não tem 3 pilotos com nomes semelhantes? Alguem saberia me dizer?

COLUNA DO ROQUE: ATÉ A PÉ NÓS IREMOS

Até a pé nós iremos à Interlagos ver o GP Brasil de Fórmula 1. Este título me lembra muito a situação que vivi no GP de 2003. No sábado foi só alegria, um sol para cada um e um Rubens Barrichello super inspirado, fez com que todos vibrassem com uma pole-position conquistada na marra.

Como é bom ver um piloto brasileiro na pole-positon do gp em que tanto sonhou em ganhar. A expectativa era de que, enfim, isso pudesse ocorrer.

Porém o domingo amanheceu dirente, um clima estranho tomava conta da cidade, um misto de frio, chuva e sol era a sua característica. Mas este clima estranho ficou ainda pior quando chegamos no local de saída dos ônibus especiais para Interlagos. Simplesmente não havia ônibus porque os motoristas resolveram protestar e fazer greve. Enquanto alguns fechavam pacotes astronômicos com os motoristas de taxi, conseguimos convencer o coordenador das compras a fechar uma única Kombi, só de ida, para Interlagos.

Chegando em Interlagos, os ventos começam a mudar de direção e o tempo nublado se transforma em uma chuva homérica, para quem estava na placa dos 50m, mal dava para enxergar a saída dos boxes, era chuva que não acabava mais. Capa de chuva, pouco adiantava...festa, brincadeiras na arquibancada...não...o silêncio tomava conta do autódromo a espera de boas notícias.

A primeira não foi nada boa, a curva do lago estava simplesmente alagada e pela rádio que também transmite o GP as informações eram de que não haveria corrida. O desespero tomou conta de todos, ninguém sabia ao certo o que fazer. Alguns foram embora, outros ficavam atônitos.

Uma pseudo tranquilidade só veio quando o Safety-car passou pela reta, era o indicativo de que poderíamos ter corrida, mas ao parar na curva do lago a cena mais desesperadora, o volume de água era tanta que a pequena poça batia na metade da porta da Mercedes.

No famoso jeitinho brasileiro, pás e picaretas foram levadas às pressas ao local e buracos para escoar a água foram abertos às pressas, o problema continuava pois a chuva não parava. Mas como um aviso, 1 hora antes da largada ela foi diminuindo e com isso a água foi escoando, escoando até ficar só o barro na pista.

Mais uma vez o pessoal de apoio teve que trabalhar as pressas para limpar a pista e quando estavam acabando, os primeiros roncos dos motores foram ouvidos. Não eram os roncos da Fórmula 1, mas daquela categoria que seria o embrião da SuperClassic, com um DKW puxando a fila com uma frase no mínimo curiosa: STOP BOMB IRAQ. A guerra do Iraque havia começado a poucos dias, e o intrépido piloto chamado Flávio Gomes deu o seu recado enquanto narrava as voltas pela pista. Atrás dele vários carros que fizeram história no automobilismo nacional, DKW's, Brasílias, Fuscas e até o Patinho Feio estavam presentes...o sorriso voltou a tomar conta de todos.

Assim, sem atrasos, mas sem largada a corrida foi iniciada, e o resto da história todos nós conhecemos...muita confusão, uma decepção pelo abandono do Rubinho, uma vitória inesperada e uma volta para casa que demorou 4 horas e meia, com chuva à espera dos ônibus certos rumo a tão sonhada cama.

OFF (mas só nós temos) - GGOO SEARCH

Cansou do Google? A GGOO trás para você um novo sistema de busca... o GGOO SEARCH. Duvida? Basta clicar na imagem abaixo:



Tem coisas que só a GGOO faz para você!

MOMENTOS E MOMENTOS

Enquanto Lucas Di Grassi corre atrás de uma vaga como piloto titular e testa exaustivamente, um outro piloto (ameaçado de demissão), participa de um desfile de moda em Londres.



Vale a mesma crítica que fizemos à Lewis Hamilton, se concentre em correr...deixe as causas bobas (mesmo que boas)  para depois.

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

FOTO DO DIA



Esse é o troféu que o primeiro colocado no GP de Cingapura irá receber...simplesmente o mais bonito dos troféus até agora.

GP BRASIL: HORA DA LARGADA

Diferentemente dos outros anos, a largada para o GP Brasil será às 15h. Ou seja, uma hora a mais para ficarmos torrando no sol e se divertindo com a galera da GGOO!

Essa decisão foi tomada porque B. Ecclestone acredita que o Mundial será decidido de novo no Brasil e que a corrida pode bater o recorde de público e audiência (leia-se $$$$) do ano passado.

Usando as palavras de Fábio Seixas, quero ver se o Massa for campeão se eles vão cortar para o jogo de futebol...

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

GP DA ITÁLIA: BANDEIRA QUADRICULADA

Mais uma vez com a brilhante colaboração de Igor, Junior Gomes, Pulga, Rodrigo cabral e Mr. Duffman, a bandeira Quadriculada é um reconhecimento à:

S. Vettel - Simplesmente fantáaaaastico, dominou tudo, desde os treinos...tem futuro.

L. Hamilton - Corrida espetacular de recuperação, sabe pilotar como poucos na chuva.

R. Kubica - quietinho, quietinho, está chegando em terceiro no mundial.

Como sempre, excelentes pontos de vista...

GP DA ITÁLIA: BANDEIRA PRETA

Grandes colaborações de Rodrigo Pulga, Igor, Júnior Gomes, Rodrigo Cabral e Mr. Duffman, a bandeira preta para o GP da Itália vai para:

Felipe Massa - Perdeu a primeira chance de passar à frente de Hamilton, pelo menos diminuiu os pontos...

Honda - nem com chuva, este carro tem jeito.

Coulthard - Mais uma vez, batendo nos adversários.

Piquet - já era sua vaga na Renault...

Raikkonen - já era a disputa pelo título...

Ao circuito - Monza não resistiu ao dilúvio...é preciso melhorar a drenagem. Interlagos já passou por esta situação..lembram???

FÓRMULA 1: AÇÃO E DRAMA

Belíssimo vídeo com as melhores imagens que a Formula 1 já nos proporcionou:



PS: reparem bem no cara de amarelo no meio do filme, tenho quase certeza que alguns membros da GGOO estarão assim lá em Interlagos.

KIMI: A ESPERA DE UM MILAGRE

Aleluia! A ficha caiu para Kimi Raikkonen. Vinte e um pontos atrás de Lewis Hamilton, líder do campeonato, o piloto da Ferrari admitiu que as chances de ele conquistar o bicampeonato são muito remotas. “Ainda não acabou, mas, agora, vou precisar de um milagre”, afirmou ao site da emissora britânica ITV.

Raikkonen declarou que apenas passa por um momento de má fase, natural, segundo o finlandês, que não teria nada a ver com falta de motivação.

Será que é falta de bebida?

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Novamente Mantovani

Tem gente vendo Hamilton assim:

Volante do Kimi



Diretamente do Flávio Gomes! Ou não...

NÃO É POSSÍVEL!

Acabo de ler no Tazio que Hamilton se sente o campeão moral de 2008 e que é um lutador que continuará provando que não há nada que possa lhe afastar ou derrubar na caminhada rumo ao título.

E ele começa a falar mais do que a boca, menos Hamilton, menos....dê suas respostas na pista, dê o seu show por lá, mas não se utilize de artifícios escusos para justificar uma possível perda de título.

A partir de agora, boa sorte você não merece ser campeão...

KIMI: SER OU NÃO SER, EIS A QUESTÃO

A Ferrari disse, vamos pensar na equipe e esperamos que os pilotos também façam o mesmo. Pedido formal direcionado a Kimi Raikkonen, que para o bem da Ferrari, deve ajudar Felipe Massa na disputa do título de 2008.

Mas pensando bem, acredito que Massa deva fazer o seu papel sozinho (como ele mesmo já vem comentando na mídia), não adianta esperar a ajuda de alguém que pouco fez neste ano. Tem que ir pra cima e acelerar, acelerar e torcer para não fazer frio nem esfriar. Atitude de campeão é o que se espera do piloto brasileiro.

Mas a dúvida maior fica com relação à Raikkonen, por mais que seja um homem de gelo, sem grandes feições e que traz a admiração pela sua capacidade de reação, como ele, campeão do mundo, se portará daqui para frente?

Ao que tudo indica, será um piloto burocrático, que vai chegar para marcar pontos, sem grandes pretensões....E a Ferrari que se dane (consequentemente o seu companheiro de equipe também).

E sem a ajuda, a disputa fica parelha e honesta, cabeça com cabeça, rumo ao campeonato mundial de 2008.

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

GP DA ITÁLIA: MALANDRO OU DESONESTO?

O GP da Itália viu um novo vencedor. Um vencedor daqueles que brilham desde as primeiras aceleradas, que vê na F-1 o seu habitat natural e simplesmente acelera conseguindo seus resultados e objetivos como se sse uma categoria base.

Assim se resumiu o GP disputado em Monza, Sebatian Vettel, com brilho, ousadia, coragem e muita competência, acima de tudo, simplesmente ignorou adversários que possuem carros melhores e correu com um único objetivo, vencer.

As suas palavras e seus gestos pós corrida, mostra que um futuro brilhante pertence ao garoto e que, muitas vezes, o veremos no alto do pódio, sorrindo, vibrando e regendo o hino da equipe em que estará representando.

Mas o GP da Itália mostrou outras coisas, primeiro a falta de um segundo piloto competente na Mclaren, com um carro destes se espera que, no mínimo, brigue pela vitória. Outra coisa, que Felipe Massa não contará mesmo com a ajuda de Kimi Raikkonen...uma demostração clara foi a forma como Hamilton o ultrapassou, a forma como guiou durante toda a corrida (mesmo fazendo a volta mais rápida no final) e pelas declarações de que "não está preparado para ajudar".

O campeonato se resume à Felipe Massa e Lewis Hamilton, que deverão brigar com unhas e dentes pelo título. Unhas e dentes que Hamilton tem se utilizado com certa frequencia para ultrapassar seus adversários. No GP da Itália isso ficou mais claro ao ultrapassar Glock, Alonso e Webber.

Agindo desta forma, Hamilton está parecendo o leão Ninguel Mansell em seus dias de fúria e, assim como acontecia com o bigodudo inglês com certa frequência, os pilotos vão começar a se utilizar dos mesmos artifícios para impedir a ultrapassagem do jovem piloto e ai o que é uma malandragem utilizada se transformará em desonestidade por parte dos demais pilotos. Será que ele vai gostar?

E para você, Hamilton é malandro ou desonesto em suas ultrapassagens?

FOTO DO DIA

domingo, 14 de setembro de 2008

GP da Itália por Mantovani

Bruno Mantovani é um artista e tanto, desenha como ninguém, não é atoa que já é conhecido mundialmente, prova disso são imagens de desenhos dele em bandeiras de torcedores em Monza que facilmente são encontradas na internet, e ele não esqueceu desse GP, claro.

GGOO!!! BOLÃO F1 2008 - Resultados do GP da Itália

RESULTADO OFICIAL DA CORRIDA:
Pole Position - VETTEL
Posição no Grid Aleatória (02º) - KOVALAINEN
Volta mais rápida na corrida - RAIKKONEN
1º colocado na corrida - VETTEL
2º colocado na corrida - KOVALAINEN
3º colocado na corrida - KUBICA
4º colocado na corrida - ALONSO
5º colocado na corrida - HEIDFELD
6º colocado na corrida - MASSA
7º colocado na corrida - HAMILTON
8º colocado na corrida - WEBBER

PONTUAÇÃO NO BOLÃO:
24 pontos - CAROLINA
13 pontos - JUNIOR GOMES
11 pontos - JOÃO
09 pontos - STIK10
08 pontos - RODRIGO CABRAL
07 pontos - LEONARDO / A. ROQUE / DUFF
04 pontos - IGOR / SAMUEL SANCHES
03 pontos - JIMMY / RUI LENHARI / RUDSON / MARCOS / RODRIGO PIOIO / FABRICIO
01 ponto - CÁSSIO
Os demais participantes não pontuaram
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

CLASSIFICAÇÃO GERAL:
01º - 224 pontos - A. ROQUE
02º - 192 pontos - AUGUSTO ALAN BICO
03º - 175 pontos - RUI LENHARI
04º - 171 pontos - JIMMY
05º - 168 pontos - IGOR
06º - 159 pontos - LEONARDO
07º - 158 pontos - RODRIGO PIOIO
08º - 155 pontos - JOÃO
09º - 144 pontos - RODRIGO CABRAL
10º - 143 pontos - RUDSON
11º - 140 pontos - FABRICIO
12º - 130 pontos - MARCOS
13º - 118 pontos - STIK10
14º - 116 pontos - CÁSSIO
15º - 106 pontos - DUFF
16º - 097 pontos - ROSE
17º - 090 pontos - FERNANDA
18º - 088 pontos - SAMUEL SANCHES
19º - 075 pontos - JORGE
20º - 070 pontos - JORGE ASSOMBRADO
21º - 067 pontos - ELMER / MARILDA
23º - 064 pontos - CAROLINA
24º - 060 pontos - NETO ROX
25º - 058 pontos - OTÁVIO
26º - 055 pontos - DOU JUANES
27º - 054 pontos - SILVIO
28º - 039 pontos - LOLI CAROLA
29º - 038 pontos - JUNIOR GOMES
30º - 037 pontos - CLAU
31º - 033 pontos - CINTHIA
32º - 027 pontos - EDUARDO
33º - 015 pontos - ANDRÉ
34º - 012 pontos - LUCAS
35º - 003 pontos - KARLLUS
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

Dia de fazer a história!


Uma corrida em um circuito fantástico que, pela primeira vez, recebia a visita da chuva. Uma corrida que os favoritos foram coadjuvantes, e que um grande piloto fez tocar novamente o hino alemão, e pela primeiras com um carro Italiano e de motor Ferrari, porem, não sendo a Ferrari. E esse piloto que hoje foi gênio, também é agora o mais jovem vencedor da F1. Parabéns Vettel, comemore sem jeito mesmo, um dia você irá se acostumar.


A Magia de Monza

A F1 é recheada de belas histórias, de fatos marcantes e alguns as vezes, nada agradáveis. Sorte que existem pessoas como "Antii2", um Finlândes que transforma a emoção, em video. Já publicamos aqui no blog seu video sobre a história da F1, e hoje mostraremos toda a magia deste Grande Circuito, que parece estar escondendo algo histórico para daqui a pouco.

sábado, 13 de setembro de 2008

PATRESE EM JEREZ... E SUA ESPOSA

Devidamente copiado do Blog do Ico, vemos que Riccardo Patrese levou a esposa para dar uma "voltinha" com um carro de rua, durante o teste que fez com o F-1 da Honda em Jerez de la Frontera. O resultado foi um vídeo dos mais hilariantes (principalmente para quem entende italiano), culminando com a reação dela quando percebe que havia uma câmera filmando.

WILLIAMS: 500 GPS

Williams de tantas glórias, Williams de carros de outro planeta. Williams com seus carros super rápidos. Williams inglesa. Williams que implementou inúmeras inovações (suspensão ativa, etc..).

Williams que viu Pace correr, Piquet ser campeão, Senna iniciar e encerrar sua carreira.

Williams que viu inúmeros outros brasileiros correrem (Pizzonia, Burti, Speraficos). Williams com sua estrutura, Williams com suas vitórias.

Aos 500 GP's desta tradicional equipe, a homenagem da GGOO. Primeiro mostrando sua "pequena coleção" e em seguida um pequeno tributo a um homem que superou as dificuldades impostas pela vida, para vencer.



GGOO: CONTAGEM REGRESSIVA

Faltam 8 semanas para o GP Brasil!

GGOO!

GP DA ITÁLIA: NA CHUVA, NA PISTA, NA FAZENDA

Parodiando a música de Hyldon, Vettel conquistou a pouco a sua primeira pole position na Fórmula 1. Uma pole marcada pela chuva, pelo tropeço dos líderes do campeonato e por uma indefinição das condições no asfalto, que ora ajudou (vide Felipe Massa), ora atrapalhou (vide Bourdais e Hamilton).

Com isso, a largada para o GP da Itália ficou: Vettel, Kovalainen, Webber, Bourdais, Rosberg, Massa, Trulli, Alonso, Glock, Heidfeld, Kubica, Fisichella, Coulthard, Raikkonen, Hamilton, Barrichello, Piquet, Nakajima, Button e Sutil.

Desta pole, Vettel sempre se lembrará...mas pelas características gerais em que aconteceram esta pole lembrou muito a de um outro piloto promissor a ter sua primeira pole, em 1994.

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

GGOO MEMÓRIA: GP DA ITÁLIA 2002

Vitória espetacular de Rubens Barrichello, aqui com a narração de Galvão Bueno.

KIMI ATÉ 2010

O que era boato, virou realidade. Kimi Raikkonen assinou a extensão de seu contrato para até 2010, mesmo período em que se encerra o contrato de Felipe Massa. A proposta clara é de continuidade...

Agora isso indica que Alonso está fechado com alguma equipe por um longo prazo, e isso tem cara de BMW.

Segundos boatos, Alonso iria para BMW, Kubica para Renault e Senna como piloto de testes da McLaren...mas boatos são boatos, eu prefiro esperar para ver...

COLUNA DO ROQUE: PANELA DE PRESSÃO

É sabido que o camponato, nesta fase, está polarizado em duas equipes e quiçá 3 pilotos que chegam com condições de serem campeões. A dúvida que resta é quem irá se dar melhor com a panela de pressão em que entrarão daqui para frente.

De suas características pessoais à atenção por parte da equipe, tudo isso pesará na forma em que pisará acelerador e consequentemente na forma e colocação em que chegará ao final das corridas que acontecerão.

Do ponto de vista do público torcedor, Massa tem mais chances de ser campeão, levando em conta seu histórico de superar as críticas e se focar em busca de um resultado positivo. Mais que isso tem tido aquela sorte de campeão, onde os resultados lhe caem no colo, fazendo com que desponte no campeonato. Hamilton tem a seu favor a capacidade de andar rápido em qualquer circunstância, seja na chuva ou no seco, ele vai lá e acelera sem se preocupar muito com as consequencias disso tudo. Já Kimi Raikkonen é aquele sujeito quietão, que pilota bem, tem um azar tremendo, mas que, por obra do destino e competência extrema, reverteu uma vantagem parecida no último ano para ser campeão do mundo, desta vez ele é visto com o azarão do trio.

Sob o aspecto técnico, Lewis Hamilton leva vantagem por pilotar sozinho em uma equipe de ponta (mais uma prova de que Kovalainen nada faz para o carro que tem) e, com isso, ter toda a atenção da mesma para atingir seu objetivo. Já Massa e Kimi têm um belo carro, bons estrategistas (é verdade que um tanto atrapalhados de vez em quando), mas dividem a mesma equipe, o que lhes dá condições de igualdade neste quesito. Por mais que haja uma torcida (principalmente brasileira e italiana) para que Massa seja eleito o primeiro piloto, não se pode desprezar os feitos de Kimi na última temporada. Isso fará com que algumas situações de corrida sejam embaraçosas para os pilotos.

O grande problema de todos está nos pontos negativos facilmente identificados, Hamilton segue muito a linha de pilotagem de Niguel Mansell com uma característica de Ayrton Senna, competência, persistência e cabeça dura, é o piloto que mais tenta, sob a ótica do torcedor, levar vantagem em tudo, a lei de Gerson (aquele de levar vantagem em tudo) é muito bem aplicada a ele. O que foi relevado ano passado em nome do show, este ano está sendo punido e, com isso, Hamilton tende a perder um pouco do foco e cometer mais erros, ou ser punido por eles.

Massa tem a desvantagem de não saber correr bem no molhado e a chuva é uma das características mais comuns das pistas que virão na seqüência do campeonato. Se continuar chovendo, pode ver a chance de ser campeão do mundo fugir em uma rodada ou em um acidente no molhado. Já o Kimi, o que falta à ele é o ligarem na tomada. Neste ano, poucas vezes correu como um campeão sedento por vitórias, muitas vezes deixou no ar a sensação de não estar nem aí para nada e apenas chegar por chegar, em uma situação bem parecida com a que Barrichello optou em 2005 na mesma equipe.

Agora, as fichas estão na mesa e os pilotos em uma tremenda panela de pressão. Quem será o vencedor? Lembrando que as apostas devem ser feitas com calma. O patriotismo, neste caso, só aumentará a pressão dos postulantes ao título...

GP DA ITÁLIA: CHOVE CHUVA...

Chove a cântaros em Monza, chove tanto que durante a primeira sessão de treinos livres algumas cenas inusitadas aconteceram, a principal delas, os boxes simplesmente alagaram, os ralos não deram vazão e a água tomou conta do espaço, obrigando os mecânicos a serem rápidos com outro tipo de instrumento, o rodo:



Fico imaginando se isso acontecesse no Brasil a repercussão que iria ocorrer, os pedidos de banimento da corrida, etc...

RAPIDINHAS DA ZOROPA

Prima, desculpe o plágio da coluna, mas não teve jeito!!


GP da Itália poderá ter chuva
Meteorologia aponta possibilidade de pista molhada nos três dias e duelo Massa x Hamilton deve ser sob chuva.


O GP da Itália, que será disputado no circuito de Monza, poderá ter chuva nos três dias de atividades da Fórmula 1, a partir desta sexta-feira. De acordo com o site oficial da categoria, chuvas esparsas podem cair durante os treinos livres, a classificação e a corrida.

Na sexta-feira, a temperatura deve ficar em torno dos 25ºC. No sábado, porém, a sensação térmica será menor, com 21º. No domingo, o calor deve aumentar, com 27ºC.



fonte: Globo.com


NB: será esse o motivo da alegria do Hamilton e do sorriso amarelo do Massa nessa foto?

----------------------------------------------------------------------------------


Hamilton critica 'falta de coragem' de Raikkonen no GP da Bélgica
Inglês diz que punição não irá alterar sua forma agressiva de pilotar e afirma que disputa com a Ferrari em Monza será um prazer para ele.

Hamilton mostra confiança nas declarações após a punição no GP da Bélgica
A ultrapassagem de Lewis Hamilton sobre Kimi Raikkonen no GP da Bélgica, que lhe garantiu uma punição e a perda da vitória da prova, continua rendendo declarações afiadas do inglês. De acordo com o piloto da McLaren, o finlandês da Ferrari freou muito cedo e desistiu da disputa por covardia.

- Esse é o jeito que ele dirige. Se ele não tem coragem para ser o último a frear, então é um problema dele. Nessas situações, vence quem consegue levar o carro ao seu limite. E eu sou ótimo nessas condições. Sinto mais a aderência do que ele. Eu sei aonde levar o meu carro – disse Hamilton.

fonte: Globo.com

NB: noooooossaaaa, chamou a mãe de careca, o pai de gelatina e o tio de raspadinha!!!
Eu não deixava isso barato não!!

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

GGOO MEMÓRIA: GP DA ITÁLIA 1972

A coroação de Emerson Fittipaldi, campeão mundial de F-1 pela primeira vez em pleno GP da Itália de 1972.

GP BRASIL: QUAL HORÁRIO?

Deu no Tazio, há uma confusão com relação ao início do GP Brasil. A FOM quer às 15h, já a Globo às 14h.

E para o público, qual seria o melhor horário? Será que levarão isso em conta?

VOLTA LANÇADA: GP DA BÉLGICA

A. ROQUE: Bem amigos da GGOO, domingo movimentado no automobilismo, eu sou A. ROQUE e iniciamos mais uma edição do Volta Lançada, o programa favorito da GGOO após as corridas. Ao meu lado, comentando tudo estão Igor e Vagner Duffman. Boa noite a todos.

Vagner Duffman: Buona Sera!

IGOR: Boa noite!

A. ROQUE: Vamos começar pela Formula Indy, viram a corrida?

Vagner Duffman: Não acompanhei a Indy hoje, mas gostaria de comentar sobre o título conquistado pelo Raphael Matos na Indy Lights Series, e destacar a 3.ª colocação da Bia Figueiredo, essa tem futuro. Sem mais, acho a Indy chata.

IGOR: Assisti a prova sim, extremamente disputada, muito boa (exceto a narração, lógico), show do Helio e Mario Moraes... Mas no final o título ficou merecidamente com o Scott Dixon, também parabenizo o Raphael Matos pelo título na Indy Lights (ano passado ele já havia vencido a F-Atlantic) e o belo campeonato da Bia Figueiredo...

A. ROQUE: A narração é um show de erros a parte, até agora não consigo entender o que leva alguém a falar tão bem do Mario Moraes e do Vitor Meia (que nada fizeram) em detrimento a outros...

A. ROQUE: A Bia é uma pilotaça e o Rafael tem tudo para se destacar ...

A. ROQUE: E agora, a Formula 1, enfim parece que ligaram a
tomada de Kimi Raikkonen ...

IGOR: É... Como diria aquele ditado, "a água bateu na bunda"... E por falar em água, a chuva no final decretou que o Raikkonen não será bicampeão esse ano!!!

A. ROQUE: Sim e que teremos um novo campeão do mundo...

Vagner Duffman: É muito bom ver o Raikkonen acordar pro campeonato. Hoje ele fez um prova espetacular, tal como Massa na Hungria. Arriscou tudo, pois precisava. Saiu como um vencedor dessa corrida! Espero que tenha a mesma garra e arrojo em Monza. O Campeonato precisa dele.

A. ROQUE: Sim...e a Ferrari também precisará dele para tirar pontos importantes de Lewis Hamilton...

IGOR: Eu sou fã do Raikkonen, ano passado torci muito por ele...

A. ROQUE: Falando em Hamilton e Kimi, lindíssima a disputa entre os dois...roda a roda, ultrapassagens, muito boa, a tempos que não víamos isso.

Vagner Duffman: A McLaren engoliu a Ferrari com os calçados 'duros'. É um problema pra Ferrari, certamente, já que a Bridgestone decidiu por utilizar esses mesmos compostos na grande maioria das etapas restantes. O tempero da briga foi a chuva e, logicamente, o traçado de Spa. Linda corrida, lindas disputas... linda Spa.

IGOR: Fantástica... Será que os dirigentes não conseguem enxergar que precisamos de traçados desafiadores e velozes??? E além do traçado de Spa, mais uma vez a chuva se tornou fator decisivo...

A. ROQUE: Sem dúvida...e falando em disputa, aquelas manobras no final, na chuva, com todos rodando, foram um dos pontos altos da temporada...

IGOR: Foi uma confusão, que puniu alguns que fizeram uma boa corrida mas premiou outros que arriscaram em trocar os pneus para dar apenas uma volta!!!

A. ROQUE: Mas a corrida também teve polêmicas, Kimi bateu e Hamilton foi punido, e aí, justa?

Vagner Duffman: Eu falo o que vi no momento. Pra mim, foi justa, porém, subjetiva. Eu tive a mesma impressão que os comissários. O Hamilton levou vantagem, deixou o carro parelho... se ele continuasse num curso normal, não sairia lado a lado. Achei que o Hamilton pagaou mais uma vez pela inexperiencia e afobação... ele poderia ter esperado mais alguns metros. Tinha um carro visivelmente melhor, e passaria o Raikkonen sem dificuldades.

A. ROQUE: Passaria, mas aí que está o problema, se esperasse a descida da Eau Rouge, ninguém falaria nada...e todos erraríamos no bolão.

IGOR: A punição, extremamente polêmica... para mim, injusta... principalmente por não ter beneficiado o prejudicado (Raikkonen, que abandonou a prova) e sim a um terceiro (no caso, Felipe Massa). O que eu vi é que depois de "cortar caminho" o Hamilton deu passagem ao Raikkonen, que bobeou no final da reta e deu espaço para uma nova ultrapassagem...

A. ROQUE: E sobre os pilotos brasileiros?

IGOR: Massa, foi prudente, mais uma prova de maturidade... sabe que é ruim na chuva e dessa vez preferiu a cautela do que outro "mico", como foi em Silverstone...

Vagner Duffman: Nelsinho sepultou sua vaga na Renault ano que vem... resultado pífio. Barrichello já virou café-com-leite... num carro desses nem tem como avaliar. Já Massa foi o grande beneficiado. Fazia uma corrida apagada, eu atribuo um pouco dessa apatia ao receio de que seu motor fosse pro espaço. Mas se manteve num bom ritmo, seu lugar foi conquistado com a excelente volta na classificação, mesmo estando com mais combustível que os concorrentes.

IGOR: Piquet, ia bem, acidentes acontecem qdo há a combinação de inexperiência com inconstância nas condições climáticas... Barrichello, continua a pé, não tem o que se fazer!!!

A. ROQUE: Por fim, o que esperar do final do campeonato?

IGOR: Disputa dura e acirrada entre Ferrari (Massa) e Mclaren (Hamilton), decisão em Interlagos, com garoa e emoções na curva do lago!!!

Vagner Duffman: Eu espero, e torço, pra que o campeonato seja decidido em Interlagos. Gostaria muito que a disputa fosse entre 3 pilotos, mas creio que será restrita a Massa e Hamilton.

A. ROQUE: É isso aí...chegamos ao fim de mais um Volta Lançada. Obrigado Igor e Duff.

IGOR: E vamos pra frente da TV sofrer com o time do Dunga... começou!!!

Vagner Duffman: El Mago!! El Mago!! Abraço!

A FERRARI QUE NUNCA CORREU

Essa semana tem GP da Itália, casa da Ferrari, e meu amigo Roque achou essa matéria sensacional sobre uma Ferrari que nunca participou de uma etapa da F-1.
Por quê??
Segue a matéria na integra.
Trata-se de um dos projetos de um mito das pistas que nunca deu certo.
É a Ferrari 312 B3 Spazza Neve. Este carro foi idealizado pelo então engenheiro chefe da Casa de Maranello, Mauro Forghieri. Naquela época, a Ferrari perdia terreno para os “garagistas” ingleses Lotus, Tyrrell e McLaren, todos com os motores Ford Cosworth V-8 de 450 cavalos. O Comendador Enzo achava inconcebível que suas máquinas, dotadas de poderosos motores de 12 cilindros flat, perdessem para um grupo de construtores ’sem alma’.
Forghieri então foi à luta. Conseguiu que pela primeira vez a equipe italiana abandonasse o sistema de construção de chassis em treliça e encomendou à firma inglesa Thompson o desenho de um monocoque em alumínio. Com base no projeto da 312 B3 que estrearia naquele ano de 73, ele fez profundas e espantosas alterações de aerodinâmica, pouco convencionais para a época.
Notem pela foto que o desenho do spoiler dianteiro se assemelhava, de fato, às pás próprias para a retirada de neve, fixadas em tratores ou até caminhões. As cavidades frontais são as entradas de ar para os radiadores.
Além disso, este modelo tinha um perfil muito mais largo que os monopostos de F-1 na época, num conceito que lembra bastante o carro-asa introduzido por Colin Chapman em 1977.
E o posicionamento do espelho retrovisor? Notaram alguma semelhança com outra Rossa?
O carro foi para a pista de Fiorano a fim de ser testado por Jacky Ickx e Arturo Merzario, que defenderiam a escuderia naquele ano de 1973. Ambos foram unâmines: o Spazza Neve era de fato um carro muito ruim e difícil de ser acertado. Reza a lenda que é o pior carro que a Ferrari já teve em toda a sua história - mais até que a F92A, de 1992.
O Spazza Neve, coerentemente, é peça de museu. Mas vendo assim, até que as idéias de Forghieri não eram ruins. Só foram mal-aplicadas e ainda numa época em que a Ferrari dividia suas atenções entre a F-1 e o Mundial de Marcas, onde levaram pau do Matra MS670. O resto é história.

fonte: A mil por hora

Eu particularmente, achei lindíssima essa Ferrari, uma pena não ter dado certo o projeto!!

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

PLANTÃO GGOO!!! GT3 BRASIL - ETAPAS DO RJ

Rodrigo Cabral - Direto de Jacarepaguá/RJ

Um final de semana diferente para o carioca! Tão logo as máquinas da Stock Car partiram, e logo o ronco dos motores, esses bem diferentes, praticamente uma Orquestra Sinfônica que atraiu alguns apaixonados por velocidade ao autódromo. Viper, Ferrari, Ford GT, Corvette, Aston Martin, Porsche… sem falar das raposas ao volante: Emerson, Valdeno, Xandy... e outros.

A GT3 disputada aqui no Rio foi um gosto todo especial, a começar pelo alto nível dos competidores e suas máquinas, a dizer: Valdeno Brito, este cara mesmo! Foi quem faturou a prova do 1 milhão de Dólares na última semana, dividiu a pilotagem do Porche 997 com Emerson Fittipaldi. Walter Salles (este cara mesmo! O cineasta) junto com Rosset abordo do Ford GT foi uma das atrações da GT3.

Durante a prova, não houve muitas disputas por posição, mais as poucas ultrapassagens deram lugar ao charme de ver alguns pilotos guiando, como Emerson e Xandy Negrão: praticamente eles aproveitam toda a pista, tiram o máximo do carro nas freadas e saídas das curvas, sem falar nas esticadas e reduzidas logo no fim das retas.

O detalhe de pontuação e classificação esta registrado no site GT3. Assim como algumas fotos dessas máquinas que passaram nesta etapa aqui no Rio.


GGOO MEMÓRIA: GP DA ITÁLIA 1969

Um dos mais emocionantes finais de uma corrida da F-1!

GP DA BÉLGICA: BANDEIRA QUADRICULADA

Também com a colaboração super especial de Vagner Duffman, Júnior Gomes, Rodrigo Pulga e Rodrigo Cabral, a Bandeira Quadriculada do GP da Bélgica vai para:

A Ferrari: foi competente com seu time, deu a oportunidade ao Kimi de se levantar no campeonato.

Raikkonen: fez uma corrida espetacular, tal como Felipe Massa na Hungria... mas ele precisava arriscar tudo, e levou a pior.

Massa: a vitória caiu no colo, mas só caiu no colo porque foi competente ao levar o carro até o final.

Heidfeld e Alonso: Arrancada espetacular, coragem e arrojo em trocar pneus praticamente a uma volta do fim da corrida!

GP DA BÉLGICA: BANDEIRA PRETA

Grandes contribuições, desta vez de Rodrigo Pulga, Júnior Gomes, Vagner Duffman e Rodrigo Cabral, formaram o Bandeira Preta do GP da Itália:

Piquet: ridícula a rodada. Está cada vez mais distante da vaga pro ano que vem.

Hamilton: mais uma vez provou ser imaduro quando está atrás. Se esperasse mais um pouco, certamente passaria a Ferrari do Raikkonen sem maiores problemas.

Kovalainen: impressionante o que esse cara consegue fazer com uma McLaren na mão... acertar o Webber no meio foi a gota d'água.

Comissários esportivos da FIA: Já não é a 1 vez que eles fazer decisões que favoreçam a Ferrari

Felipe Massa: correu com o coração na boca....hora acreditava que não iria terminar a prova (2ª corrida com o motor), hora achava que o melhor era pensar no campeonato...não na corrida.

terça-feira, 9 de setembro de 2008

RAPIDINHAS DA ZOROPA


Oláaaa!!!


A vida anda corrida mais que o GP por isso estou mais que atrasada com a coluna!!!
Mas agora chega de desculpas e vamos as informações!!!

Realmente a organização é o ponto alto das coisas por aqui...

Depois de acordar atrasada no domingo para dirigir até Spa, levei 2 horas para conseguir andar os últimos 10km até o estacionamento. Oficial, preço justo!


Cheguei a Spa as 13h... portanto, não vi a GP2, nem uma outra corrida que teve... Uma pena...

Agora vocês pensam que cheguei e fui correndo achar meu lugar na Eau de Rouge???

Nãaaaooooo!!! Aqui os lugares são numerados, e todo mundo respeita esse "detalhe" portanto fui primeiro as compras, comer e providenciar o suprimento líquido para consumo durante a corrida e faltando 15 minutos para o início, fui atrás do meu posto!


O clima típico belga: sol, chuva, mais quente, mais frio... tudo isso num intervalo de 2 horas!

O circuito... sem comentários!!!

E estar por lá: INDESCRITÍVEL!!!

Para me ajudar a contar... seguem algumas fotos EXCLUSIVAS para a galera da GGOO!






A vista...


A Eau de Rouge


Deu para imaginar todo mundo sentadinho no Brasil???


Fim de corrida... congelando com o vento...




Invasão LEGAL!!! Aqui POOOOOODE!!!

Fotos: by Cinthia Travalini

GP DA BÉLGICA: REDENÇÃO ARMADA?

O prognóstico era de uma grande corrida. A melhor pista, os melhores pilotos do ano e um clima tipicamente instável davam as caras no final de semana do GP da Bélgica. Para Ferrari não restava outra coisa a não ser vencer e vencer, já a Mclaren poderia correr riscos desnecessários para que mantivesse seu piloto na liderança do campeonato.

Começam os treinos de sexta feira em uma mescla de sol, chuva e garoa e as primeiras surpresas, a Ferrari de F. Massa voando mesmo com a baixa temperatura do asfalto, problema que sempre causou dor de cabeça para a equipe italiana, já seu companheiro de equipe, Raikkonen, pouco fez mais uma vez.

Já a Mclaren correu e comboiou a equipe vermelha, dando a entender que não acompanharia seu ritmo e que a disputa pelo terceiro lugar estaria garantida ao piloto inglês, uma vez que a dobradinha parecia estar assegurada à Ferrari. Mas apenas parecia.

Sábado amanheceu com o sol brilhando e parece ter iluminado também L. Hamilton. Inspirado e com uma estratégia de um pouco menos combustível, voou na pista belga e nas duas sessões mais importantes do treino classificatório foi o mais rápido, deixando Massa, nitidamente mais pesado, com a segunda colocação após uma brilhante volta. Kovalainen largaria em terceiro e Kimi, mais uma vez apagado, sairia na quarta posição.

Mas nem tudo são flores e a largada no domingo fez parecer que tudo havia se invertido. Na reta de chegada enxarcada, pilotos patinam até chegar a parte seca do miolo do circuto, mas um, em especial, ignora tudo isso: Kimi Raikkonen. O piloto finlândes ignora as condições adversas e logo depois da Eau Rouge, passa Massa conquistando a segunda posição. Na volta seguinte, graças ao erro de Hamilton, assume a primeira posição para não perder mais a 2 voltas do fim.

A forma como correu, os recordes de pista que bateu, fizeram todos relembrar dos grandes momentos que ele teve na reta final do ano passado, onde graças a sua competência, arrojo e uma grande dose de sorte, foi campeão. Parecia que haviam-no religado na tomada, ou trocado de carro com Massa.

Mas a fase pé-frio de Kimi voltou a atacar quando começou a chover e fez com que um duelo épico fosse visto pelas lentes do mundo inteiro. Roda a roda, ultrapassagens, rodadas, uma chincane cortada, novas ultrapassagens, chuva, molhado, ninguém mais sabia como acabaria a corrida, mas Kimi abusou e acabou parando no muro. Melhor para Hamilton que assim levaria a corrida até o final, na ponta dos dedos e com alguns sustos, com Massa andando logo atrás.

Fim de prova, Hamilton ganha a corrida, Massa chega em segundo se arrastando, Heidfeld completa o pódio. A diferença no campeonato aumentara, mas a decisão final estava longe de ser definida.

Três horas após o final da prova, uma nova reviravolta, por ter cortado a chincane e obtido vantagem, uma punição de 25 segundos. Um novo vencedor foi declarado, Felipe Massa, que se arrastou a corrida inteira.

A diferença de 8 caiu para 2, renasceu a esperança, foi a redenção do brasileiro que agora parte mais forte psicológicamente para as últimas corridas.

Mas a dúvida ainda está no ar, será que em nome do show, esta redenção foi armada?

JÁ QUE A GLOBO NÃO TOCOU...

A GGOO toca...

Felipe Massa, do Brasiiiiiiiiiiiillll! vence o GP da Bélgica.

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

GGOO!!! BOLÃO F1 2008 - Resultados do GP da Bélgica

RESULTADO OFICIAL DA CORRIDA:
Pole Position - HAMILTON
Posição no Grid Aleatória (10º) - VETTEL
Volta mais rápida na corrida - RAIKKONEN
1º colocado na corrida - MASSA
2º colocado na corrida - HEIDFELD
3º colocado na corrida - HAMILTON
4º colocado na corrida - ALONSO
5º colocado na corrida - VETTEL
6º colocado na corrida - KUBICA
7º colocado na corrida - BOURDAIS
8º colocado na corrida - WEBBER

PONTUAÇÃO NO BOLÃO:
27 pontos - RODRIGO CABRAL
24 pontos - CÁSSIO
23 pontos - IGOR / JUNIOR GOMES
21 pontos - AUGUSTO ALAN BICO
19 pontos - JIMMY / A. ROQUE / RODRIGO PIOIO
18 pontos - RUDSON / STIK10 / FABRICIO
16 pontos - OTÁVIO / JOÃO
15 pontos - SILVIO
11 pontos - RUI LENHARI / DUFF
10 pontos - LEONARDO
Os demais participantes não pontuaram
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

CLASSIFICAÇÃO GERAL:
01º - 217 pontos - A. ROQUE
02º - 192 pontos - AUGUSTO ALAN BICO
03º - 172 pontos - RUI LENHARI
04º - 168 pontos - JIMMY
05º - 164 pontos - IGOR
06º - 155 pontos - RODRIGO PIOIO
07º - 152 pontos - LEONARDO
08º - 144 pontos - JOÃO
09º - 140 pontos - RUDSON
10º - 137 pontos - FABRICIO
11º - 136 pontos - RODRIGO CABRAL
12º - 127 pontos - MARCOS
13º - 115 pontos - CÁSSIO
14º - 109 pontos - STIK10
15º - 099 pontos - DUFF
16º - 097 pontos - ROSE
17º - 090 pontos - FERNANDA
18º - 084 pontos - SAMUEL SANCHES
19º - 075 pontos - JORGE
20º - 070 pontos - JORGE ASSOMBRADO
21º - 067 pontos - ELMER / MARILDA
23º - 060 pontos - NETO ROX
24º - 058 pontos - OTÁVIO
25º - 055 pontos - DOU JUANES
26º - 054 pontos - SILVIO
27º - 040 pontos - CAROLINA
28º - 039 pontos - LOLI CAROLA
29º - 037 pontos - CLAU
30º - 033 pontos - CINTHIA
31º - 027 pontos - EDUARDO
32º - 025 pontos - JUNIOR GOMES
33º - 015 pontos - ANDRÉ
34º - 012 pontos - LUCAS
35º - 003 pontos - KARLLUS
clique na imagem para visualizar o resultado detalhado

AS APOSTAS PARA O GP DA ITÁLIA JÁ ESTÃO ABERTAS,
CLIQUE AQUI E PARTICIPE!