quinta-feira, 9 de outubro de 2008

FIM PRÓXIMO?

Lembram daquela musiquinha de origem mexicana: "Ai, ai, ai, ai... Tá chegando a hora..." ?

Rubens Barrichello certamente está com ela na cabeça.

Deu no Grande Prêmio: Barrichello pode se aposentar!

Honda e Barrichello sequer conversaram sobre renovação até o momento, e o que é pior, a quipe nipônica estaria conversando com Bruno Senna, fatos esses que têm feito o piloto considerar a aposentadoria, mesmo contra a sua vontade.

"Muito se especula em nomes, em coisas. Tem um silêncio muito grande dentro da Honda, que é super desforável neste momento para os pilotos. Fora da pista, isso me enche um pouco", desabafou o piloto em coletiva concedida no Japão.

Caso a renovação não ocorra, Barrichello tem as seguintes possibilidades:

-Toro Rosso: na equipe italiana o nome de Sebastien Buemi é dado como praticamente certo. Bourdais tem sem futuro incerto ainda e briga pela segunda vaga que teria leve tendência à um piloto mais experiente, de acordo com a preferência dos diretores da equipe. É aí que Barrichello poderia se encaixar, porém disputaria vaga com Sato e, mais remotamente, com Alonso. Correm por fora, ainda, Nelsinho Piquet e Bruno Senna (apadrinhado pelo dono da equipe, Gerard Berger);

-Renault: o fraco desempenho de Nelsinho Piquet não garante uma vaga na equipe e já correm boatos de que o brasileiro estaria negociando com Honda e Toro Rosso. Alonso tem carta branca na equipe. Muito se fala em Di Grassi no lugar de Piquet. O atual piloto de testes da Renault vêm agradando a equipe com seus resultados, tanto na GP2 quanto nos testes.

Especulações à parte, se depender da vontade de Rubens Barrichello, ele continuará na principal categoria do automobilismo mundial, "Não estou preparado para me aposentar. Não é o final do mundo, mas eu daria praticamente tudo para estar em um carro de F-1 em 2009".

Possibilidades expostas, resta apenas espererar para saber qual rumo o grid da F1 tomará para 2009. Mas uma coisa é certa, tal rumo depende - e muito - da decisão do bicampeão Fernando Alonso.

4 comentários:

Augusto Roque disse...

Vai ser estranho acordar pra ver corrida e não vero Rubinho. Mas acho que o ciclo dele está se encerrando e as declarações soaram para mim em tom de desespero por alguém que não sabe para onde vai em 2009.

- IGOR! - disse...

má notícia... péssima notícia!!!

tomara que surja alguma opção e que o GP Brasil não seja a corrida de despedida do Barrichello na F1!!!

Marcos - Blog da GGOO disse...

Não tem jeito, o asturiano continua com prestígio, enquanto ele não bater o martelo com alguém, vai ficar esse chove e não molha com o resto....
E que não seja esse ano que o Rubinho se aposente, pelo menos q seja no próximo ano, onde o Brasil não encerrará a temporada....

Anônimo disse...

Eu acho que o Rubinho pelo menos merece ser avisado com antecedência sobre a sua "aposentadoria" pra pelo menos se despedir no Brasil.

O Alonso já falou que só fala depois de Interlagos, e provavelmente pra dizer que fica na Renault, entao,poxa, avisa o Barrica .