quinta-feira, 30 de outubro de 2008

20 ANOS ATRÁS: SENNA CAMPEÃO MUNDIAL!

Inigualável emoção para os brasileiros que viam mais um piloto ser campeão. Das dificuldades enfrentadas a um campeonato de certo modo monótono mas com intensas disputas entre os pilotos da Mclaren, o dia 30/11 coroou um novo rei: Ayrton Senna

Foi lá no Japão que a história foi escrita pela primeira vez. Foi por lá que as emoções se afloraram, o país vibrou, de madrugada com este momento único. Rojões foram ouvidos, gritos e muitas comemorações também.

Lembro desta corrida como poucas, era madrugada e eu tinha apenas 8 anos. Como sempre meu pai me chamou minutos antes para ver a volta de apresentação. Na largada um susto, o motor de Senna engasopa ele fica pra trás. Volta após volta ele vai recuperando posições.

A ansiedade toma conta de todos, pedaços de pizza de mussarella são devorados, ninguém pisca. Começa a garoar, é esta a hora e ela acontece...primeiro ultrapassando Ivan Capelli, depois em uma manobra espetacular, ultrapassando Alain Prost espremido no muro.

Na cara e na coragem, nada mais o impedia de ser campeão. Nas poucas voltas que faltavam o choro começava a cair, o barulho da TV era abafado pelo constantes gritos de vitória.

Comoção.
Vitória.
Senna Campeão!

Sensação que perdura até hoje como a lembrança de ter contado como foi a ultrapassagem ainda na cama para minha mãe que dormia. Ela sem entender direito o que tinha acontecido pediu para que eu explicasse, desenhasse, demonstrasse...

Senna, enfim, era campeão do mundo e eu vi ao vivo mais este capítulo da história ser contado.

Para quem não viu, abaixo um resumão da corrida na voz (emocionante) de Galvão Bueno:

3 comentários:

carlos disse...

mt foda!!!!!!!!!!!
Valeu

Rodrigo Cabral disse...

Eu era um moleque....ficava babando com as ultrapassagens dele...se bem que admirava mais o Piquet.

Com o tempo Senna fez....há não precisa escrever, vocês sabem.

Mais que um piloto, isso ele foi!

- IGOR! - disse...

uma das corridas mais fantásticas que já vi... sou suspeito para falar de ayrton senna, sua trajetória na F1 é fantástica... insubstituível!!!