quinta-feira, 15 de maio de 2008

Paul Ricard, dia 1

Dez equipes, dez pilotos, e Hamilton foi o mais rápido do primeiro dia de testes em Paul Ricard.

Pelo que li por aí, nada de anormal aconteceu, foi mais um rotineiro dia de trabalhos.

De anormal, mesmo, apenas o objetivo do teste: simular Mônaco. Isso é impossível. Por mais que tentem, só teremos as primeiras referências na quinta-feira da semana que vem.

Seguem os tempos:

1º. Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min05s600 (84 voltas)
2º. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min06s098 (103)
3º. Robert Kubica (POL/BMW), 1min06s177 (124)
4º. Mark Webber (AUS/Red Bull), 1min06s348 (93)
5º. Sebastian Vettel (ALE/Toro Rosso), 1min06s372 (99)
6º. Nico Rosberg (ALE/Williams), 1min06s571 (154)
7º. Alexander Wurz (AUT/Honda), 1min06s681 (131)
8º. Timo Glock (ALE/Toyota), 1min06s936 (93)
9º. Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India), 1min07s346 (106)
10º. Lucas di Grassi (BRA/Renault), 1min07s430 (146)

Um comentário:

Rodrigo407 disse...

Mônaco é um circuito travado, curvas e retas curtíssimas. Então se espera um carro com ótima retomada de velocidade, carros lentos tendem a ter vez também.

Fazer a lista de opostas para o GP é quase apostar no escuro, sem previsão.....