segunda-feira, 3 de maio de 2010

PILOTOS: DAVID COULTHARD

David Marshall Coulthard (Twynholm, 27 de março de 1971) é um automobilista britânico.

Na F1, estreou em 1994, após o falecimento do tricampeão Ayrton Senna, na equipe Williams. Fez uma temporada regular em seu primeiro ano, um modesto 8º lugar, correndo apenas metade das provas. No ano de 1995, ainda na Williams, Coulthard teve a chance de brigar por vitórias diversas vezes. Fez 5 poles, mas apenas em 1 corrida, em Portugal, conseguiu assegurar o lugar mais alto do pódio, sendo assim o piloto mais jovem até hoje, a conseguir um hat-trick (pole + vitória + volta mais rápida).

Na temporada de 1996, se transferiu para a McLaren, onde venceu suas outras 12 corridas. Na Mclaren, Coulthard encontrou Mika Häkkinen, seu companheiro de equipe por muitos anos. Ainda pela McLaren, obteve seu melhor resultado na categoria sendo vice-campeão de 2001. Em 2002, com a aposentadoria de Häkkinen, a McLaren contrata o também finlandês Kimi Räikkönen, para formar dupla com Coulthard. Em 2004, após 9 temporadas pela equipe inglesa, Coulthard se despede da equipe e assina com a recém criada Red Bull Racing.

Em 2005 assume um lugar na Red Bull Racing, que estreava na categoria. Nos 3 anos em que a Red Bull está na F1, Coulthard cravou seu nome como o melhor piloto da história da equipe, tendo como principal marco a conquista do primeiro pódio da equipe no GP de Mônaco em 2006, quando o piloto subiu ao pódio vestido de Super-Homem para receber o troféu.



David também é um dos pilotos com maiores pontuações na formula 1 com 533 pontos. O escocês renovou seu contrato com a Red Bull pela última vez para disputar a temporada de 2008 com o motor Renault. No dia 3 de julho de 2008 ele anunciou oficialmente sua aposentaria para depois do GP Brasil, no dia 4 de novembro, que foi o último daquele ano. Naquela oportunidade, foi homenageado pelos outros pilotos do circuito durante o fim de semana e deixou a corrida após se envolver em um acidente sem gravidade logo depois da largada, assistindo de fora o final emocionante que conferiu ao também britânico Lewis Hamilton seu primeiro título de F1, sobre o brasileiro Felipe Massa.



Em 3 de abril de 2010, Coulthard foi anunciado como piloto da equipe Mucke no campeonato alemão de Turismo.

3 comentários:

Bk disse...

curiosidade :Foi o único piloto à subir no pódio com uma capa,quando no GP de Mónaco 2006 a Red Bull publicitava o filme Superman.

Igor * disse...

piloto que só guiou por equipes de ponta e nunca fez nada de relevante... ficou um tempão na fórmula 1, saiu e ninguém sente sua falta!!!

joaoleopires disse...

Foi um piloto polêmico....ganhou muita grana para ser um fiel escudeiro de Hakkinen no fim dos anos 90 e começo dos anos 2000