quarta-feira, 29 de abril de 2009

HÁ 15 ANOS... (1)

29 de abril de 1994, há exatos quinze anos tinha início o final de semana mais trágico da história da Fórmula 1. A combinação de carros com sérios problemas de segurança com uma pista obsoleta e com graves falhas em suas áreas de escape provoca a primeira vítima já nos treinos livres de sexta-feira: Rubens Barrichello, jovem piloto brasileiro da equipe Jordan que foi arremessado por uma zebra contra o muro, ficando o mesmo desacordado após o choque, sendo necessária sua remoção e hospitalização, o que o impediu de disputar a corrida.



Imagens fortes? Ninguém imaginava que veríamos coisa pior no dia seguinte...

5 comentários:

A. ROQUE disse...

O prenuncio de que algo estranho estava no ar. Pista estranha, ficais despreparados...o primeiro sinal foi com Rubens Barrichello.

- IGOR! - disse...

totalmente despreparados, viraram o carro com o piloto lá dentro... notem o impacto no pescoço do Barrichello desacordado, se ali houvesse alguma lesão cervical, deixaria sequelas!!!

Marcos - Blog da GGOO disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marcos - Blog da GGOO disse...

Mais impressionante do que o impacto, foi a expressão do rosto de Senna, enquanto dava entrevista, depois de sair do hospital logo após ter visitado o Rubinho.
Nunca me esquecerei.

Marcos - Blog da GGOO disse...

Mais impressionante do que o impacto, foi a expressão do rosto de Senna, enquanto dava entrevista, depois de sair do hospital logo após ter visitado o Rubinho.
Nunca me esquecerei.