segunda-feira, 27 de julho de 2009

Massa: Muito grave porem traquilizante. Como assim?

Foi essa a pergunta inicial que fiz a dois médicos de minha cidade, São José dos Campos. Um é neurologista e atua a mais de 15 anos na área. O outro é um conhecido meu e também respeitado na cidade. Seus nomes não serão divulgados por opção dos mesmos, que não querem aparecer. A entrevista foi realizada no domingo, dia do GP da Hungria, por e-mail. Respostas foram agrupadas pelo fato de serem praticamente as mesmas.


Os médicos informaram que o estado do piloto Felipe Massa é muito grave, porem estão tranquilos. Como é que alguém pode ficar "tranquilo" numa situação "muito grave"?

R: A situação do Massa é grave devido ao fato das consequências do acidente (edema, fratura na base do crânio e no osso que envolve o olho), ele foi sedado para que lesões mais graves não ocorram, é como se colocasse o cérebro para descansar, amenizando e até evitando um possível inchaço(...) O Felipe deve estar bem, só que é preciso cuidados com esse tipo de lesão, já que problemas futuros nesse tipo de acidente são muito comuns(...) É normal ele não se recordar do acidente ou perder a memória por um curto período de tempo, não só pelo acidente, mas sim pelos medicamentos que tem como efeito colateral a amnésia.


Inicialmente passaram a informação de que já na próxima corrida ele correria, depois falaram que até o final do ano ele não corre ou deve voltar. Pela experiência como médico, por quanto tempo o Massa deverá ficar fora das pistas?

R: Essa resposta apenas os médicos que estão cuidando do Massa podem dar, mas vendo casos semelhantes, eu daria de 8 meses a um ano(...) Ainda temos que saber o estado geral dele, e também existe o lado psicológico, só os médicos que estão o tratando que podem dar um prazo, e isso depois de vários exames e cirurgia que podem vir a serem realizadas(...) Nesses casos, a média é de 10 meses para quem responde bem ao tratamento, pode ser antes, depende e muito da situação, o que não sabemos.

Acredita em risco de morte?

R: Não. Mas não pode descuidar, tem que tomar muito cuidado para o quadro não piorar, acidente envolvendo a cabeça é sempre perigoso(...) Minha preocupação está no olho, mesmo que o objeto não tenha acertado diretamente a globo ocular, alguma lesão pode ser diagnosticada ainda, e pela foto, foi feio(...) Não creio em perda total da visão, mas sim em alguma sequela, torço para que não seja nada.


Daniel Macarenco - 26/07/2009

4 comentários:

A. ROQUE disse...

Grande Apuração, Stik!


Incrível a mobilização de todos daqui da GGOO, fantástico!

- IGOR! - disse...

por isso que é bom ter no meio desses blogueiros loucos um jornalista de verdade (apesar de louco tb), mandou muito bem nessa stik!!!

Marcos - Blog da GGOO disse...

Beleza hein Stik!!
Valeu mesmo.

Essa GGOO tá com tudo e não tá prosa: tem jornalista, fotógrafa, correspondente internacional, diretor de arte, diretor de marketing, piloto virtual, contador, aspone, etc, etc.....e um presidente que não faz p*rra nenhuma!!
Tá completinho o quadro!!

Cin disse...

Hahahahahahaha
Booooaaaa Stick!!!
O nosso profissional da noticia!!!