sexta-feira, 28 de agosto de 2009

SCHUMACHER: E NÃO É QUE O RUBINHO TINHA RAZÃO?

A razão da desistência de Michael Schumacher retornar às pistas, substituindo Felipe Massa enquanto o brasileiro se recupera do grave acidente sofrido na Hungria, pode ser mais do que as dores no pescoço, como disse o Rubinho (e por isso levou uma série de críticas). De acordo com o próprio Massa, em entrevista ao jornal “O Estado de S.Paulo”, o heptacampeão teve perda de visão enquanto pilotava em Mugello com a Ferrari 2007. A revelação foi feita à Massa numa visita de Schumacher enquanto ele ainda estava no hospital AEK, em Budapeste.

"Michael chegou e me contou sobre seu teste em Mugello com a Ferrari 2007", declarou o brasileiro. "Ele disse que seu pescoço estava doendo e que ele perdeu um pouco a visão nas freadas por causa da vibração. Ele ficou chateado porque os médicos disseram que ele não podia competir", acrescentou Massa. Schumacher alegou sentir fortes dores no pescoço, admitindo que não suportaria um GP inteiro.

Fonte: O Estado de São Paulo e Grande Premio

2 comentários:

Marcos - Blog da GGOO disse...

É, mas não foi isso que ele quis dizer sobre o problema ir "além das dores no pescoço"....
Mas...sacumé né!!!

- IGOR! - disse...

e qual deve ser a sensação ao perder a visão piotando um F1 hein??? ctz que os intestinos agem instantaneamente ao falhar dos olhos, hehehe...