terça-feira, 17 de agosto de 2010

O INÍCIO DA ERA PIRELLI


O alemão Nick Heidfeld, liberado pela equipe Mercedes para testar os novos pneus da Pirelli, que substitui a Bridgestone em 2011 como fornecedora de compostos para a F-1, comemorou a chance de ganhar mais experiência na categoria.

O veterano, 33 anos, perdeu seu lugar no grid após a saída da BMW e, desde então, atua como piloto reserva no time de Michael Schumacher e Nico Rosberg, sem chances para realizar testes devido às limitações da FIA.

"É um grande privilégio fazer essa parceria com a Pirelli para conduzir esse trabalho vital. Com a experiência que conquistei ao longo dos anos estou confiante de que conseguirei dar à Pirelli um bom retorno, ajudando no desenvolvimento dos pneus", disse Heidfeld.

A Mercedes confirmou nesta terça-feira que liberava o piloto para testar pela Pirelli. Após isso, o alemão demonstrou sua gratidão pela decisão do time.

"A equipe sempre disse que não me atrapalharia caso eu tivesse uma chance como essa e eles gentilmente me permitiram tomar parte nesse desafio. Gostaria de agradecer a todos na Mercedes pela cooperação que tivemos neste ano."

"Foi impressionante ter a oportunidade de trabalhar com a atual campeã e desejo à equipe tudo de melhor para o restante da temporada", concluiu.

Nesta terça, o piloto já deu início às atividades de testes na pista de Mugello, utilizando um modelo 2009 da Toyota.

Um comentário:

Igor * disse...

deviam ter pintado esse carro de amarelo!!!